O Anonymous, ou alguém que se diz parte do grupo (como faz para entrar, aliás? Tem tipo um vestibular, ou um ritual de iniciação?), alega ter derrubado o GoDaddy, popular site de registro e hospedagem de domínios, levando junto vários dos seus clientes.

Pelo Twitter, o GoDaddy confirmou estar enfrentando dificuldades e tentando restabelecer os serviços. Diversos sites hospedados lá ou que usam o sistema de email deles também estão com problemas. Ao que tudo indica, trata-se de mais um ataque distribuído de negação de serviço (DDoS).

Também no Twitter, o usuário @AnonymousOwn3r reclamou a autoria do ataque. Diz ele que desencadeou o ataque para “testar o quão segura era a cyber segurança” e por outros motivos sobre os quais ele não pode falar. Tudo bem, então! Com uma mensagem quase poética, o @AnonyOps meio que tirou o corpo fora. Eis o mal de ser uma… um… enfim, um grupo (aparentemente) descentralizado e anárquico. Qualquer um pode tomar partido, mesmo aqueles que não exatamente contribuem para a “causa”.

O GoDaddy ainda trabalha para restaurar todos os serviços e diz estar tendo progressos. E nós, quebramos a cabeça para entender os tais “outros motivos” que levaram ao ataque. Na época da polêmica do PIPA/SOPA, o GoDaddy levou muita pedrada por, num primeiro momento, declarar apoio às propostas de leis. Será que ficou uma mágoa nesse pequeno anônimo dissidente? [The Verge]