Aparentemente o Inimigo Número Um das árvores ainda somos nozes nós, ganhando fácil de cupins e castores. De acordo com a Economist, o consumo mundial de papel aumentou em 50% nos últimos 30 anos, algo difícil de entender em uma era onde “sustentável” e “paperless” são a ordem do dia.

A ideia de escritórios paperless existe há décadas mas pelo visto não vingou. Com o uso disseminado de computadores, iPads e smartphones, esperava-se que o consumo de papel fosse diminuir, mas parece que os humanos ainda estão arrancando pinheiros e eucaliptos mais do que antes.

Por ano, o Brasil consome 1,29 árvore por pessoa na fabricação de papel – cada árvore equivale a cerca de 40kg de papel. Isso está à frente da Rússia e da Índia, porém bem atrás dos EUA e Coreia do Sul. Confira aqui o infográfico e todos os números: [The Economist]

Foto por Denis Yarkovoy/Shutterstock