Após 5 anos, veja por onde anda o carro da Tesla lançado ao espaço

Veículo da Tesla foi lançado na missão inaugural do foguete Falcon Heavy. Desde a decolagem, carro já completou 3 voltas ao redor do Sol
Após 5 anos, veja por onde anda o carro da Tesla lançado ao espaço
Imagem: SpaceX/Reprodução

No dia 6 de fevereiro de 2018, a SpaceX lançou ao espaço um carro esportivo fabricado pela Tesla – o que, claro, chamou a atenção do mundo todo. Agora, cinco anos após o início da viagem, um site interativo permite acompanhar por onde anda o veículo da marca do bilionário Elon Musk.

whatsapp invite banner

A viagem pode ser acompanhada de forma interativa pelo site “Where is Roadster?”, que permite simular a posição do possante até o ano de 2025 (disponível aqui).

O lançamento ocorreu durante o voo inaugural do poderoso foguete Falcon Heavy, desenvolvido pela SpaceX. A missão tinha o objetivo de testar as capacidades do novo foguete por meio do lançamento de uma carga fictícia — e, por tabela, fazer um baita marketing para a montadora de carros elétricos.

Desde o seu lançamento, o carro de Musk percorreu mais de 4 bilhões de quilômetros, tendo completado um pouco mais de três voltas ao redor do Sol.

No momento do fechamento desta matéria, o veículo estava situado a meio caminho entre as órbitas da Terra e de Marte, estando a 326,3 milhões de quilômetros do nosso planeta, como você pode ver na imagem abaixo:

Em verde, a trajetória do carro Roadster, da Tesla, enquanto ele viaja entre as órbitas da Terra (azul) e Marte (vermelho). Imagem: Where is Roadster?

Atualmente, ele está em uma órbita com duração de 557 dias, o que o faz se aproximar periodicamente da Terra e de Marte. Em 2020, por exemplo, ele chegou a cerca de 8 milhões de quilômetros do planeta vermelho.

O modelo lançado era o Tesla Roadster na cor cereja. Em seu interior foi instalado um manequim humano em tamanho real vestido com roupa de astronauta – apelidado de “Starman”, inspirado na música “Space Oddity”, de David Bowie.

Ele também levou uma série de easter eggs, incluindo uma placa com os dizeres “Não entre em pânico”, em referência ao livro “O Guia do Mochileiro das Galáxias”, além de um dispositivo de armazenamento de dados com as obras de ficção científica do escritor Isaac Asimov.

O veículo está se movendo a cerca de 12 mil km/h. Segundo modelagens matemáticas, ele deverá permanecer no espaço por milhões de anos. Porém, existe uma chance de 6% de que ele venha a colidir com a Terra nos próximos 3 milhões de anos.

Não se sabe ao certo como está o estado do carro, mas é provável que ele seja danificado estruturalmente ao longo do tempo pelo impacto de micrometeoritos. Estima-se que a radiação espacial já tenha deteriorado a pintura, pneus e o couro do veículo. Ai de quem tentar comprá-lo num feirão de usados.

Hemerson Brandão

Hemerson Brandão

Hemerson é editor e repórter, escrevendo sobre espaço, tecnologia e, às vezes, sobre outros temas da cultura nerd. Grande entusiasta da astronomia, também é interessado em exploração espacial e fã de Star Trek.

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas