A Apple identificou um problema sério com um “número muito pequeno” de laptops MacBook Air 2018, que exige a substituição da placa lógica principal, relatou a 9to5Mac no domingo (30), citando documentos internos da empresa.

De acordo com o 9to5Mac, o problema foi identificado em“modelos Retina, de 13 polegadas, do MacBook Air 2018 com determinados números de série”, e as Apple Stores e a equipe de reparos autorizada foram instruídos a substituir as placas lógicas nas unidades qualificadas gratuitamente. A Apple mencionou no documento que o problema tem a ver com “energia” sem entrar em mais detalhes, o site escreveu, embora pesquisas online mostrem relatos de usuários dos modelos afetados “não sendo capazes de sequer ligar o aparelho”. Não está claro se esses relatos necessariamente referem-se ao assunto em questão aqui, dada a descrição vaga.

A Apple ainda não listou o problema em seu site dedicado ao programa de extensão de reparos e trocas, embora a 9to5Mac tenha notado que a empresa nem sempre faz isso quando não há um problema em larga escala com um produto. Os documentos afirmam que a Apple entrará em contato diretamente com os clientes afetados via e-mail e que o programa de reparo será executado por quatro anos, período em que os usuários que estiverem enfrentando o problema poderão acessar a Apple Store ou outra oficina autorizada.

A Apple teve uma série de problemas infelizes com seus laptops nos últimos tempos. No início deste mês, a empresa anunciou um recall de alguns MacBook Pros de 15 polegadas, com telas Retina, fabricados entre 2015 e 2017 devido a problemas de bateria que podem fazer com que os modelos “superaqueçam e representem um risco de incêndio”. Como a Wired observou  na época, desde o início de 2018, a Apple lançou nada menos que cinco anúncios de conserto ou recall para seus laptops, incluindo os notórios problemas de teclado do MacBook, um aviso de substituição de bateria e um programa separado de substituição de drive para alguns MacBook Pro de 13 polegadas (sem Touch Bar), falhas “Flexgate” no display  e as baterias acima mencionadas que representam um risco de incêndio.

[9to5Mac]