O Big Sur está entre nós. A nova atualização do macOS traz consigo vários recursos novos, bem como uma renovação significativa no aspecto visual – a primeira em alguns anos. O update foi lançado na última quinta-feira (12) e é compatível com um grande número de dispositivos, entre eles MacBooks Air e Pro, iMac e Mac Pro.

Abaixo, listamos 11 novidades para você ficar de olho e que permitem que você faça mais com o seu Mac. Todas são inéditas no sistema operacional, por isso vale a pena dar uma dissecada nas personalizações.

1. Apple Music

Abra o aplicativo Música e você notará que há uma nova opção Ouvir Agora no painel de navegação, à esquerda da tela. Esta é sua nova página inicial para todo o áudio, com recomendações no Apple Music, músicas que você tocou recentemente, mixes de listas de reprodução e muito mais.

É como a antiga guia Para você, mas com algumas mudanças sutis: mais variedade nas escolhas que você recebe primeiro e melhor integração com podcasts, por exemplo. A Apple diz que a busca também foi melhorada, então os resultados devem aparecer na tela mais rápido do que antes.

2. Central de Controle

Apple macOS Big Sur

O macOS Big Sur é significativamente diferente do macOS Catalina. É um visual mais limpo e moderno, com barras laterais que se estendem até a altura total das janelas – um uso sutil de detalhes de cores e ícones que são mais detalhados e tridimensionais.

A nova Central de Controle segue o estilo visto no iOS para iPhone e iPad. Clique no ícone do botão de alternância na barra de menu e você terá fácil acesso às configurações de conexão Wi-Fi, Bluetooth e AirDrop, bem como atalhos para brilho da tela, controle de volume e reprodução de mídia.

3. Central de Notificações

A Central de Notificações também recebeu uma atualização visual. Agora, os alertas do mesmo aplicativo ficam agrupados, enquanto os widgets se tornam mais personalizáveis ​​e redimensionáveis ​​também, embora você possa ter que esperar um pouco para que ferramentas que não sejam da Apple suportem os novos recursos.

Abra a Central de Notificações clicando na hora e data no canto superior direito (o ícone dedicado desapareceu) e vá em Editar Widgets para adicionar e remover novos cards. Para alterar o tamanho do widget e as informações exibidas, clique com o botão direito em um widget e escolha Editar Widget.

4. Safari

Apple macOS Big Sur

Como parte do que a Apple chama de “a maior atualização do Safari de todos os tempos” no macOS Big Sur, você pode fazer muito mais em termos de personalizar a página inicial que aparece quando o navegador é iniciado ou quando uma nova guia é aberta.

Para começar, clique no ícone dos controles deslizantes, no canto inferior direito da tela. Você pode escolher uma imagem de fundo para a página inicial – algo sugerido pelo Safari ou uma imagem sua – e selecionar quais elementos são mostrados na tela, da sua lista de Favoritos ao novo Relatório de Privacidade do Safari para abas do iCloud abertas em outros dispositivos.

5. Verifique o que está rastreando você na web

Por falar no navegador da Apple, o Relatório de Privacidade do Safari é a mais recente iniciativa para reduzir o número de rastreadores que te seguem pela web. Ou pelo menos te deixar mais ciente sobre eles.

Para ver o que foi bloqueado nos últimos 30 dias, clique em Relatório de privacidade no menu Safari. Você receberá um descritivo detalhado de quantos rastreadores foram bloqueados em cada site e os nomes dos rastreadores individuais. Para ver a lista de apenas de um site individual, abra a página e clique no novo ícone de escudo à esquerda da barra de endereço no Safari.

6. Busca Spotlight

Apple macOS Big Sur

A ferramenta de pesquisa Spotlight em todo o sistema recebeu uma atualização no macOS Big Sur. Você notará que a interface foi simplificada e que há algumas melhorias menores, com resultados que aparecem mais rápido assim que você começar a digitar.

O suporte para Quick Look foi adicionado ao Spotlight, permitindo que você visualize e até edite certos arquivos sem abrir o aplicativo correspondente. E o mesmo mecanismo Spotlight foi adicionado a mais apps nativos da Apple, incluindo Safari, Pages e Keynote .

7. Mensagens

O aplicativo Mensagens recebeu uma grande atualização para torná-lo compatível com recursos disponíveis no aplicativo para iPhone e iPad. Você pode fixar conversas no topo da lista, adicionar respostas em linha a mensagens individuais e mencionar pessoas pelo nome em um bate-papo em grupo.

Existem mais filtros para escolher e mais estilos de memoji disponíveis. A descoberta de imagens e GIFs também foi aprimorada. Todas essas mudanças se alinham ao que já estava disponível no iOS e iPadOS, o que deve aumentar ainda mais a sincronização entre diferentes dispositivos.

8. Bateria

Apple macOS Big Sur

Se você gosta de acompanhar de perto a integridade e o histórico da bateria, vai gostar do que o macOS Big Sur tem a oferecer: clique no ícone da bateria na barra de menu e em Preferências da Bateria para ver o uso (e o tempo de tela) nas últimas 24 horas ou nos últimos 10 dias.

O Big Sur também é inteligente quando se trata de carregar, aprendendo como você carrega seu MacBook para descobrir quando ele será conectado por um longo período de tempo e ajustando a taxa de carregamento de acordo com esse comportamento. Isso deve reduzir o desgaste da bateria e melhorar sua vida útil.

9. Aplicativos

Uma das mudanças que virão para o macOS Big Sur no final deste ano é a introdução de políticas de privacidade simplificadas para aplicativos Mac. A Apple diz que eles foram projetados para funcionar como rótulos nutricionais em embalagens de alimentos: simples e informativos. Esses novos rótulos de privacidade devem tornar mais fácil ver rapidamente o que um determinado app deseja fazer e por quê.

O Apple Arcade também está mais proeminente no macOS Big Sur com a introdução de páginas de jogos, permitindo que você continue no macOS um jogo iniciado em outro dispositivo da Apple (desde que ele tenha versão para ambas as plataformas).

10. Fotos

Apple macOS Big Sur

O Fotos pode ser focado principalmente em imagens estáticas, mas o aplicativo de desktop agora conta com alguns recursos extras de edição de vídeo. Isso não vai substituir o iMovie ou Adobe Premiere Pro, mas você pode pelo menos aplicar correções básicas à sua filmagem. É possível ajustar as cores e o balanço de branco reduzir o ruído, cortar seus vídeos e aplicar uma variedade de filtros. Opções extras de edição também foram adicionadas, incluindo uma ferramenta de retoque aprimorada e novos ajustes de intensidade para filtros de fotos.

11. Apple Maps

O Apple Maps é outro aplicativo que recebeu uma grande reformulação com a chegada do macOS Big Sur. Um dos recursos adicionados à versão para desktop é o Olhe ao redor (versão do Street View da Apple) em cidades selecionadas. Os mapas internos agora também podem ser acessados ​​por meio do Apple Maps no macOS. Essa opção já aparece no Brasil, mas ainda não foi habilitada.

Instruções de ciclismo e informações de carregamento de veículos elétricos ao longo das rotas foram adicionadas para coincidir com o lançamento do iOS 14, e a Apple também introduziu o que está chamando de Guias, que são coleções selecionadas de conselhos de viagem sobre determinados locais de parceiros de conteúdo. Se quiser, você ainda pode criar os próprios percursos.