A história de que a Apple lançaria um sistema de assinatura de notícias à la “Netflix” foi finalmente confirmada nesta segunda-feira (25), durante evento realizado em Cupertino (Califórnia), na sede da empresa. Chamado de Apple News+, ele faz parte do Apple News, app de notícias que vem embutido nos iPhones, mas que ainda não está disponível no Brasil.

O preço de assinatura do Apple News+ é US$ 9,99 por mês — o primeiro mês será gratuito. Por enquanto, o serviço estará disponível para os EUA e para o Canadá.

De acordo com a Apple, farão parte do serviço as seguintes publicações norte-americanas: Time, Vogue, People, National Geographic, Wired, Popular Science, Billboard, The New Yorker, Sports Illustrated, Fortune, Wall Street Journal e Los Angeles Times. Ao todo, serão 300 títulos disponíveis.

Especificamente no Canadá, o News+ contará com 30 revistas locais e o jornal The Star, um dos maiores do país.

Revistas no Apple News Plus

A Apple informa que o uso da plataforma levará em consideração a privacidade. Então, se você ler algum artigo no serviço, nenhum sistema de propaganda saberá o que você leu — o que, de certa forma, é interessante, pois não deve haver aqueles anúncios esquisitos te perseguindo porque você acessou determinado assunto.

Os jornais e revistas estarão disponíveis dentro do app Apple News numa aba chamada News+. Lá, será possível ver capas dos títulos disponíveis, e, em alguns casos, as capas contarão com imagens animadas. No que diz respeito ao conteúdo, além do texto, haverá também infográficos.

A plataforma estará disponível via atualização de app que será realizada ainda nesta segunda-feira (25) nos países disponíveis, portanto, nada de Brasil por ora. Segundo a empresa, a próxima leva de países a receber o Apple News+ será Reino Unido e Austrália.