Se você tem ouvido sons de estática ou crepitação em seus AirPods Pro, fique tranquilo: você não endoidou. É, na verdade, um problema da Apple, e a empresa quer consertar os fones.

A Apple lançou um programa de serviço na sexta-feira (30) para os AirPods Pro fabricados antes de outubro de 2020. De acordo com a empresa, os usuários com dispositivos afetados podem ouvir estalos ou sons de estática que aumentam em ambientes barulhentos, ao se exercitar ou ao fazer ligações telefônicas. Além disso, alguns fones podem ter problemas com o cancelamento de ruído ativo, fazendo com que ele não funcione como o esperado, o que pode resultar em problemas como perda dos graves.

Outros problemas incluem aumento nos sons de fundo, como barulhos de avião ou da rua.

Os usuários que tiverem um ou mais dos problemas acima podem entrar em contato com a Apple ou com fornecedores de serviços autorizados para que seus dispositivos sejam examinados. Se a empresa ou o provedor de serviços determinar que os dispositivos são elegíveis para o programa de serviço, os fones serão substituídos. O programa cobre um ou ambos os fones de ouvido.

No entanto, só os fones serão trocados: o estojo será mantido, já que não é afetado pelos problemas de som.

A Apple não especificou o que pode estar causando os problemas de som, embora alguns especulem que seja um problema de hardware. Os usuários reclamam do problema há meses. Em maio, a Apple postou algumas recomendações em seu site que presumiam que os problemas eram causados ​​por interferência sem fio ou aplicativos específicos. Agora sabemos que não era o caso.

Considerando que os AirPods Pro não são exatamente baratos (US$ 250 nos EUA, R$ 3.000 no Brasil), é bom mesmo que a Apple de um jeito de arrumar os fones. O novo programa de serviço cobre dispositivos em todo o mundo e abrange os aparelhos afetados por dois anos após a compra.