No meio de toda a doideira do anúncio do novo iPhone 12, um pequeno detalhe pode ter passado batido: os novos iPhones não vêm com fone. Isso significa que, se você não tiver um par sobrando por aí, terá que comprar um. Convenientemente, a Beats, que é uma marca da Apple, lançou seu mais novo fone, o Beats Flex.

Lá fora, ele custa US$ 50, o que faz dele o fone mais barato da marca da maçã. Por aqui, ele chegará no ano que vem custando R$ 579. Apesar disso, ele oferece a mesma compatibilidade com o iPhone que os AirPods, que são bem mais caros — por aqui, eles estão saindo por R$ 1.899. Parece que a estratégia da empresa é bem evidente.

Mas o Beats Flex parece ter muito a oferecer. Os novos fones de ouvido são a próxima geração do design clássico do Beats X, que envolve um fio que fica atrás do pescoço — a diferença é que o Beats X foi lançado por US$ 150. E embora fone sem fio pareça ser o padrão agora, nem todo mundo quer (ou quer gastar dinheiro com) um par de fones de ouvido minúsculos que podem ser facilmente separados ou perdidos.

Sim, fones Bluetooth com esse fiozinho unindo as partes costumam ser bem baratos. O que diferencia o Beats Flex é sua compatibilidade com iPhones. Ele inclui o chip W1 da Apple, o que significa que tudo o que você precisa fazer é ligar os fones de ouvido ao lado do iPhone e eles irão se conectar instantaneamente. Você também obtém recursos do AirPods, como alternar entre aparelhos Apple que estão tocando música, compartilhar áudio com amigos que estão usando outro Beats ou AirPods e verificar o status da bateria do fone no seu iPhone.

Ao contrário dos AirPods, no entanto, o Beats Flex possui uma porta USB-C em vez da Lightning (aleluia!). O Flex promete bateria de 12 horas, e uma carga rápida de 10 minutos promete 1,5 horas de música se a bateria estiver quase sem carga.

Na parte de áudio, a Beats atualizou o Flex com um novo driver acústico e um novo microfone para melhorar o som, e algum processamento digital em segundo plano irá melhorar ainda mais o áudio. Os fones são magnéticos: eles pausam a música quando encaixados um no outro e começam a tocar novamente quando estão em seus ouvidos.

Algumas pessoas vão ficar bravas com a falta de um fone na caixa do iPhone. Eu raramente usei os fones de ouvido incluídos, mas tê-los à mão em caso de problemas com os fones sem fio sempre foi reconfortante. Essa mudança forçada para o Bluetooth — que já era esperada há muito tempo — é bem irritante. Mas, pelo preço, os Beats Flex parecem um bom negócio.

Nos EUA, a pré-venda do Beats Flex começou nesta terça. Ele tem duas opções de cor: preto e amarelo. Eles chegam às lojas da Apple em 21 de outubro e a revendedores independentes em 20 de novembro. No Brasil, eles chegam às lojas no início de 2021 com mais duas opções de cor: cinza e azul.