A Barbie, boneca mais famosa do mundo, é sem dúvidas também a mais trabalhadora. Médica, game designer, veterinária, cozinheira, professora. Ao longo das suas mais de seis décadas de vida, ela já transitou por diferentes carreiras. Agora, o brinquedo da Mattel protagonizou uma parceria com a ESA (Agência Espacial Europeia) e virou, de novo, astronauta — fazendo um voo em gravidade zero.

A história foi divulgada na última quarta-feira (6) pela agência. A Barbie em tamanho real homenageia Samantha Cristoforetti, a primeira mulher europeia a comandar a Estação Espacial Internacional. O voo aconteceu na base da Alemanha e teve um objetivo nobre: encorajar garotas interessadas em ingressar na área espacial — seja na ciência, tecnologia ou engenharia.

Também foi anunciado que a boneca de Cristoforetti estará à venda na Europa. Parte da receita das vendas será doada para a organização Women in Aerospace, para inspirar a próxima geração, com a criação de bolsas para meninas na ciência.

Assine a newsletter do Gizmodo

Não é a primeira vez que a boneca da Mattel inspira meninas a seguir carreira pelo espaço. A primeira Barbie com essa temática surgiu em 1965, quando foi astronauta e “andou na lua”. Há também versões da Barbie em que ela assume profissões como astrofísica e cientista espacial. Também já foram criadas Barbies baseadas em profissionais reais, como Sally Ride (Nasa) e Anna Kikina (Roscosmos, a agência espacial russa).