A Secretaria de Saúde de São Paulo notificou ao Ministério da Saúde, neste sábado (29), mais um caso do novo coronavírus, batizado oficialmente de COVID-19. O incidente não está relacionado com a primeira confirmação, que aconteceu no começo da semana, embora o novo paciente também tenha viajado à Itália.

De acordo com as autoridades brasileiras, não há evidências de circulação do vírus em território nacional. O homem, que ainda não teve detalhes como idade revelados, esteve na Itália, onde provavelmente aconteceu a contaminação.

De acordo com a rádio BandNews FM, o paciente chegou de Milão na última quinta-feira e foi para o trabalho no mesmo dia em que chegou de viagem. Ele está em isolamento em sua casa, assim como o outro paciente. Sua esposa o acompanha – ela também esteve na Itália, mas não apresenta sintomas.

O Ministério da Saúde disse que irá divulgar uma nota com mais detalhes e esclarecimentos sobre esse novo caso em São Paulo ainda hoje.

As autoridades monitoram 182 casos suspeitos de COVID-19. Nesta sexta-feira, a Organização Mundial da Saúde (OMS) elevou o risco global sobre o novo coronavírus para “muito elevado”. Esse mesmo nível que o grupo tinha colocado para a situação na China, mas agora em nível internacional. Apesar da mudança, a doença ainda não se tornou oficialmente uma “pandemia”.