Da última vez que vimos a situação do 4G no Brasil, as coisas não eram boas: o país estava no fim da fila em cobertura e velocidade. Seis meses depois, estamos vendo algumas melhorias – em parte.

A OpenSignal publicou o estudo trimestral The State of LTE, comparando as velocidades de acesso e cobertura do 4G em 68 países.



A velocidade média do 4G no Brasil é de 16 Mbps; no início do ano, eram 11 Mbps. É um avanço! Estamos à frente de países com cobertura semelhante, como Índia, Rússia e Reino Unido.

Mais uma vez, a operadora mais rápida do Brasil é a Claro, com velocidade média de 20 Mbps. Logo depois vem a Vivo (18 Mbps), Oi (14 Mbps) e TIM (10 Mbps), seguidas de longe pela Nextel (3 Mbps). A velocidade das quatro maiores operadoras aumentou nos últimos seis meses; a Nextel não estava no relatório do início do ano.

OpenSignal e 4G no Brasil - velocidade

E quanto à cobertura 4G? Bem, aí o Brasil ainda precisa melhorar: usuários de dispositivos com suporte a 4G têm acesso à rede LTE apenas 50% do tempo. Estamos bem próximos do fim da lista.

A líder é a Coreia do Sul, com 97% de disponibilidade de 4G; eles também oferecem uma das velocidades mais rápidas.

As operadoras brasileiras têm, no geral, uma cobertura equivalente: a maior é da Claro e Vivo (ambas com 51%), seguidas pela TIM e Nextel (ambas com 50%) – a lanterninha em cobertura, mais uma vez, é a Oi (42%).

OpenSignal e 4G no Brasil - cobertura

Vale notar que a OpenSignal não mede quantas cidades têm LTE, e sim quanto tempo os usuários ficam nessa rede. Isso dá uma ideia melhor de como o 4G está sendo oferecido aos clientes.

Os dados de velocidade e cobertura são coletados a partir do app da OpenSignal para Android e iOS.

[OpenSignal]

Foto por TechStage/Flickr