A cidade de Seul, na Coreia do Sul, está passando por um problema curioso: buracos estão se formando em ruas e calçadas – e um deles engoliu duas pessoas.

>>> Buraco se abre na Rússia, pronto para engolir uma cidade abandonada

O homem e a mulher acabaram de sair de um ônibus e o chão literalmente caiu abaixo deles. Felizmente, eles foram resgatados e tiveram apenas ferimentos leves.

Segundo o UPI.com, o caso ocorreu perto de um canteiro de obras na área de Yongsan, em Seul. Funcionários ainda estão tentando entender o que criou esse buraco de três metros.

Este não é um fenômeno isolado: pequenos buracos estão se formando no bairro residencial Songpa, próximos à construção do Lotte World Tower – que será um edifício de 556 metros e 123 andares quando estiver pronto no ano que vem. No ano passado, pelo menos três sumidouros foram encontrados na região.

Além disso, um lago próximo à torre começou a “encolher misteriosamente”, perdendo quase 1 m de profundidade. Segundo o Dezeen, essa água foi vista entrando no porão da torre:

Park Chang-kun, professor de engenharia civil na Universidade Kwandong, notou a presença de acumulação de água subterrânea no sexto andar subterrâneo, e sugeriu que ela pode ter vindo do lago.

Os sumidouros, também conhecidos como ravinas ou voçorocas, se formam devido à erosão, quando a água remove uma camada subterrânea do solo – em geral algo solúvel, como calcário ou mantos de sal.

Talvez a construção da torre seja responsável pelo surgimento desses buracos. Mas em outra parte da cidade, no ano passado, abriu-se um buraco de 1 m de profundidade. As autoridades ainda estão tentando descobrir o porquê. [YouTube]