Este mês, a Vivo passou a oferecer planos com ligações, SMS e DDD ilimitados, coisa que o TIM Liberty tem há um bom tempo. Agora é a vez da Claro: você pode montar planos com chamadas, torpedos e DDD à vontade. Também relevante: a TIM levou o ilimitado para seu serviço de linha fixa.

A Claro tem os planos Sob Medida, onde você monta o plano escolhendo cada item. Para escolher uma das opções ilimitadas, você precisa contratar pelo menos 60 minutos de ligações “para fixo e qualquer celular”, o que custa R$54. Aí você acrescenta outros itens: minutos ilimitados para Claro custam R$5; torpedos infinitos saem a R$9,90; e DDD sem limites para Claro e fixo custa R$29,90.

Infelizmente, não há qualquer opção de dados ilimitados. A Claro oferece planos de até 10GB, e dobra a franquia pelos primeiros 12 meses – por exemplo, contratar 250MB lhe dá 500MB – mas cobra por MB adicional: não há a opção de ultrapassar a franquia com velocidade menor, como na Vivo e na TIM.

Vale lembrar que a Claro tem uma promoção com 1.000 minutos de graça para o pós-pago – o que é quase “ilimitado” (segundo eu mesmo, não a Claro) e sem custo adicional. Nos planos a partir de R$60, você leva 1.000 minutos locais de Claro para Claro – mas o bônus vale só depois de consumir a franquia. No entanto, se você adquirir um plano mensal de R$100 ou mais, você leva mais 1.000 minutos para Claro e fixo de todo o Brasil, e ele é consumido antes da franquia. O benefício vale por 12 meses.

A TIM, por sua vez, oferece agora o TIM Fixo Ilimitado por R$39,90: você liga ilimitado para qualquer fixo, local ou DDD, mais três números favoritos de celular TIM. Chamadas para outros celulares TIM custam R$0,49, e ligações para outras operadoras móveis custam R$1,09. Se você prefere o fixo ao celular, eis aí algo sem limites para você. [Claro via Tecnoblog; TIM]