Há poucas coisas que eu odeie mais do que palhacinhos de internet gritando "FAKE!" ou "PHOTOSHOP!" sempre que veem uma imagem claramente incrível. É isso que está acontecendo atualmente com esta premiada foto de um lobo pulando uma cerca.

A foto foi tirada pelo fotógrafo espanhol José Luís Rodriguez, que venceu o concurso anual Wildlife Photographer of the Year, do Museu Britânico de História Natural em conjunto com a revista BBC Wildlife. Ele superou 43.000 fotógrafos para ganhar o prêmio de 16 mil dólares, mas as pessoas na internet estão alegando que a coisa toda é uma farsa. Eles dizem que o lobo — cujo nome é Ossian, segundo alguns — teria sido mantido em cativeiro (o que violaria as regras do concurso), e o pulo, ensaiado. Naturalmente, Rodriguez nega as acusações:



Eu tenho sido vítima de uma forte campanha de difamação por parte de algumas pessoas — fotógrafos como eu, presumo — escondidas atrás de apelidos na internet. Eu só posso dizer que a prova que foi fornecida para suportar a acusação de que o lobo não seria selvagem não estão substanciadas e que o que deveria ser examinado é a veracidade e forma de obtenção dessa prova.

Ele diz que demorou muito tempo para encontrar o local ideal, esperar pelo lobo (atraindo-o com um pedaço de carne) e tirar a fotografia. Isso é tudo besteira de internet. O lobo não se chama Ossian. Ele não tem nome, porque é claramente gerado por computador usando Maya e Renderman. [Daily Mail]