Depois de pressão popular, o Netflix insere a partir de hoje audiodescrições em suas séries e, ironicamente ou não, a primeira a receber a novidade é a nova produção da Marvel, Demolidor, cujo protagonista é cego.

Audiodescrição é uma forma de narração que descreve os acontecimentos visuais da trama, explicando desde ações do enredo à descrições do cenário, a trocas de cenas e roupas. Isso já é usado em cinemas, teatros e programas de televisão, permitido a inclusão de deficientes visuais nestas programações.

A princípio, apenas Demolidor receberá a novidade, mas séries como House of Cards, Orange is The New Black, Unbreakable Kimmy Schmidt e Marco Polo, receberão o serviço de audiodescrição nas próximas semanas. Usuários podem escolher esta nova opção de áudio no menu de línguas disponíveis em cada filme.

Captura de Tela 2015-04-15 às 17.19.05

A novidade está disponível apenas em inglês para a série Demolidor, mas Tracy Wright, diretor de conteúdo do serviço, disse em nota que eles estão comprometidos em aumentar o número de filmes e séries com a opção de audiodescrição e que pretendem adicionar a novidade para outros línguas no futuro.

É uma novidade muito bem-vinda, mas que chegou de forma lenta. Outros players de vídeo, como BBC iPlayer oferecerem audiodescrição desde 2009 e o  projeto The Accessible Netflix Project já fez críticas ao Netflix por providenciar uma interface que não interage bem com leitores de telas e outras tecnologias adaptativas. [Netflix, Polygon]