Normalmente, a Mãe Natureza decide quando nós merecemos ver ou não um arco-íris. Mas o professor e artista Michael Jones McKean não é lá o cara mais paciente do mundo. Então ele bolou uma máquina que cria um arco-íris com mais de dois andares de altura, precisando apenas de um clique para ser criado.

McKean, professor de uma universidade de Virginia, vem fazendo experimentos com arco-íris desde 2002. E agora ele finalmente está colhendo os frutos desse trabalho no formato de uma verdadeira máquina de fazer arco-íris. Daqueles que cobrem um prédio. Você deve estar pensando que depois de 8 anos pesquisando arco-íris, o ideal seria que eles chegassem de uma vez à Lua, mas, ei, eu não sou cientista para saber a velocidade desses estudos.

Sua máquina de arco-íris é composta de bombas de jato comerciais e bocais customizados que espalham uma densa parede de água no céu – é basicamente aquele efeito de criar um arco-íris no seu quintal usando uma mangueira, só que agora numa escala muito mais impressionante.

O formato atual da máquina de McKean ainda é um protótipo de uma versão que ele instalará no topo do Centro Bemis de Arte Contemporânea de Omaha, Nebraska, neste verão. Ele irá criar dois arco-íris por dia, com duração de 15 minutos, e visível a mais de 300 metros. E a máquina terá a capacidade de imitar a natureza e seus processos materiais: ela só ira espalhar água de chuva coletada e funcionará apenas a base de luz solar. [Michael Jones McKean via Inhabitat]