Acredita o que rolou na segunda-feira na China? A central da CCTV em Pequim, aquele edifício projetado por Rem Koolhaas, quase pegou fogo. Fogos de artifício do último dia das celebrações do Ano Novo talvez sejam os culpados.

A matriz da China Central Television é um complexo de 600 mil m2 que envolve torres gêmeas inclinadas que são conectadas por duas enormes seções no meio do ar. É uma incrível proeza da engenharia, mas todos em Pequim ontem ficaram preocupados por ela poder cair caso o edifício logo ao lado, que dizem ser o hotel Mandarin Oriental incompleto, não tivesse sido apagado logo (ficou em chamas durante horas).

Segunda foi o Festival das Lanternas, o 15º dia do primeiro mês do ano novo do calendário chinês, e muito infelizmente um dos mais importantes marcos da nova China comunista e da mensagem que eles têm tentado transmitir – por um triz que não foi totalmente obliterado.

Provavelmente não é nenhuma surpresa que não tá sendo fácil encontrar notícias sobre isso na televisão chinesa local (apesar de alguns canais daqui de Xangai estarem misteriosamente silenciosos). Em vez disto, estou acompanhando blogs e mensagens do twitter chinês para me atualizar.

O vídeo mostra o edifício queimando desde os primeiros momentos após o início do incêndio.

——————————–

No momento, a história oficial é que o Mandarin Oriental, localizado no topo, pegou fogo por causa de uma miríade de fogos de artifício disparados para marcar o Festival. Pequim geralmente bane os fogos de artifício na região central da cidade, mas afrouxa nas restrições durante o período do Festival de Primavera (sim, nós realmente, realmente adoramos os nossos fogos de artifício). Mas você viu como aquele prédio lambeu? Alguém já viu algum arranha-céu se iluminar desta maneira sem….tipo….ser atingido por um jato?

Mas o que me causa maior estranheza é a resposta do governo. Este comunicado foi enviado aos sites de notícias, BBS e blogs, ordenando que os moderadores parassem de enviar relatos sobre o incêndio da CCTV. Isto significa parar de postar outras fotos, vídeos, etc., e usar somente o relatório oficial Xinhua.

Por quê? Alguns dizem que é porque o governo não quer que ninguém saiba sobre o assunto até eles terem determinado a causa do incêndio – sabe, ter milhões achando que Pequim foi alvo de um ataque terrorista prejudicaria a harmonia do país. Mas poxa, um comunicado qualquer dizendo “o edifício da CCTV pegou fogo ontem à noite. Causa desconhecida, mas terrorismo é pouco provável” não resolveria isso?

Eu sei que estou morando em um país que não vê nada de errado na censura. E, às vezes, considerando a massa assustadoramente gigantesca de pessoas com a qual eles têm que lidar, eu até entendo o porquê. Mesmo assim, meu queixo está no chão agora. Eu nunca achei que algo que merecesse tanta notícia e fosse tão difícil de se esconder pudesse receber este tratamento silencioso. Eu mal posso esperar pra ouvir o que o governo dirá quando eles finalmente fizerem uma coletiva de imprensa sobre o assunto. [Shanghaiist]

As fotos são do usuário fuzheado do Flickr. Eis outra incrível galeria do edifício CCTV por Ai De Ke.