A fabricante americana E-filliate emitiu uma notificação de recall para fones de ouvido sem fio da marca DeWalt.

Segundo a empresa, o produto pode superaquecer durante o carregamento ou uso — incluindo o risco de provocar queimaduras ou incêndio. Está aí algo pouco agradável de vivenciar enquanto você escuta seu podcast preferido.

Ironicamente, o fone de ouvido DeWalt é promovido como um produto resistente, que lida bem com quedas e acidentes envolvendo líquidos, sendo indicado, inclusive, para ambientes de trabalho pesados.

A E-filliate afirma que foram relatados 61 incidentes envolvendo o fone “DeWalt Jobsite Pro”, que custa cerca de US$ 60 (cerca R$ 340). São fones com fio, que contam com uma haste de pescoço preta e amarela, como você pode ver na imagem abaixo.

Foto do DeWalt Jobsite Pro, que será alvo de recall. Imagem: E-filliate/Divulgação

Ao todo, mais de 300 mil fones de ouvido serão substituídos.

O produto não é vendido oficialmente no Brasil, mas é possível comprá-lo informalmente por meio de sites internacionais ou pequenos importadores de eletrônicos, o que pode dificultar — e muito — o procedimento de troca de produto.

Recall

Apesar de vendidos sob a marca DeWalt, os fones são fabricados por uma empresa chinesa, tendo sido importados pela E-filliate entre dezembro de 2019 e julho de 2021.

A fabricante informa que os fones de ouvido que são passíveis de recall são os que contam com os códigos D4 1910, D4 1912, D4 2003, D4 2004, D4 2006, D4 2009, D4 2011, D4 2012, D4 2101, D4 2103 e D4 2104. Esse código está impresso na haste esquerda do produto. Os fones de ouvido que não tem nenhum código também serão substituídos.

A orientação é que os proprietários dos fones parem de utilizá-los imediatamente e entrem em contato com a empresa. A substituição do produto é feita de forma gratuita — pelo menos para usuários dos EUA.

Indicação da localização do código do produto. Imagem: E-filliate/Divulgação