Estas torres residenciais de luxo, com 260m e 300m de altura, querem evocar uma nuvem pixelada voando entre os prédios. E dentro desta nuvem, está o paraíso.

As duas torres são ligadas no 27° andar por uma nuvem pixelada com dez andares de altura. A estrutura de cubos foi aproveitada também na base do prédio: o pátio e jardim são elevados em relação à rua, para exibir o espaço verde criado pela arquiteta Martha Schwartz. Você vai do térreo à nuvem em elevadores expressos.

E o que tem dentro da nuvem? Como você pode ver abaixo, ela é mais que uma ponte: é um paraíso iluminado com “sky lounge”, restaurantes, cafés, centro de conferência e academias dentro de seus 14.000m².

Para alguns, a nuvem lembra por fora o 11 de Setembro, como se ela representasse uma explosão. Mas fora dos EUA, alguém realmente se importa com o 9/11 a ponto de invalidar este projeto? Pelo visto, não: segundo o escritório holandês de arquitetura MVRDV, que criou tudo isto, as torres devem estar completas em Seul (Coreia do Sul) até 2015. Veja mais imagens do projeto: [Designboom]