Esta aeronave aí se chama Sofia. Como a atriz italiana de mesmo nome, ela vira cabeças por onde passa. Não por causa de algum decote, mas porque este Boeing 747 tem uma enorme porta de quase 5×5 metros na sua lateral, que se abre para revelar um telescópio de 2,5 metros.

O Stratospheric Observatory for Infrared Astronomy – que já passou por 500 milhões de dólares em modificações durante os seus 20 anos de engenharia – foi finalmente testado depois da sua construção, voando a cerca de 5km de altitude e a 415km/h com a porta totalmente aberta. O teste foi um completo sucesso, e em 2010 eles vão começar a testar o telescópio em si. [Flight Global]