Existe uma sensação especial ao visitar locais industriais hoje silenciosos e deteriorados, mas que a décadas atrás foram ocupados por centenas de homens e mulheres que trabalhavam em meio a máquinas barulhentas. O sentimento ao tirar estas fotos numa fábrica de tecidos abandonada não foi diferente.

Fotos que deixaram de ser secretas mostram o nascimento do Programa Espacial Soviético
O colapso da União Soviética deixou para trás um assombroso mundo pós-apocalíptico

Em 1922, a Elberfelder Textilwerke e a Leipzig Kammgarnspinnerei Stöhr Co. fundaram a Domestic Worsted Spinning and Weaving Factory Ltd. em Budapeste, capital da Hungria. Lá, as companhias criaram uma nova indústria para a produção de lã de altíssima qualidade. Milagrosamente, a fábrica sobreviveu à Segunda Guerra Mundial sofrendo apenas alguns bombardeios. Depois, se tornou a maior fábrica socialista de tecidos de lã do país. Não tão milagrosamente, ela não conseguiu sobreviver ao colapso da União Soviética.

Assim como outras grandes empresas socialistas, o grande negócio de tecidos foi privatizado em 1990 e liquidado alguns anos depois. A maior parte dos prédios de fábricas que sobraram foram alugados por companhias menores. Porém, esta casa de máquinas foi abandonada há muitos anos. Veja as ruínas abaixo:

Clique aqui para ver as imagens em tamanho ampliado.