O Facebook lançou no ano passado o “Lite”, versão simplificada do aplicativo para Android. Hoje (3), a rede social anunciou o Messenger Lite com o mesmo objetivo: funcionar melhor em conexões de baixa velocidade e não sugar tanto os recursos dos smartphones básicos.

• Facebook forneceu dados errados de audiência de vídeo por dois anos
• Regulador alemão ordena que Facebook pare de coletar dados do WhatsApp

O app tem menos de 10MB e conta com os principais recursos do Messenger. É possível enviar e receber mensagens de texto, imagens, links e até adesivos.

A novidade está sendo liberada aos poucos. Nesta primeira leva, Quênia, Tunísia, Malásia, Sri Lanka e Venezuela já podem baixá-lo na Google Play Store. Usuários de outros países devem receber a versão simplificada do aplicativo “nos próximos meses”, segundo o Facebook.

O Facebook pode deixar smartphones Android com hardware simples muito lentos, além de gastar bastante bateria. Para quem não gosta da versão Lite – principalmente porque ela é feia – acessar a rede social pelo navegador é uma alternativa interessante (o Chrome envia alertas quando há notificações, inclusive). Pelo menos, o Messenger Lite não parece sofrer da mesma falta de beleza.

[Venture Beat via Facebook]