A versão alternativa do Galaxy Note 7, também conhecida como Note Fan Edition, foi anunciada no mês passado. Em vez de causar euforia, a novidade deixou uma questão na cabeça de muita gente: ele também irá explodir?

• Samsung vai realmente lançar uma versão alternativa do Galaxy Note 7
• Agora dá para desbloquear o computador com o leitor de digitais dos Samsung Galaxy

Até o anúncio, não estava claro quais partes do Note 7 FE seriam novas e quais seriam velhas. A preocupação principal era a potencial reutilização de baterias antigas, que causaram uma série de combustões espontâneas no ano passado. É claro que a Samsung não ia repetir o erro, mas o pessoal do iFixit confirmou que o dispositivo tem uma bateria completamente nova – tão nova que foi fabricada no dia 20 de junho de 2017 – o que é uma boa notícia para qualquer pessoa que está pensando em comprar uma unidade lá na Coreia do Sul.

O desmanche do Note FE feito pelo iFixit mostra que o novo componente é menor do que a bateria no Note 7 original, o que garante mais espaço entre a bolsa protetora selada por calor em torno da bateria.

A bateria do Note FE, que também é removível, pesa 2,3 gramas menos do que a original e mede 37.4 mm x 97.2 mm x 5.0 mm (a original media 37.9 mm x 97.8 mm x 4.9 mm).

A nova bateria trabalha com capacidade de 12.32 Wh, contra 13.48 Wh da anterior. No entanto, ela é maior do que a bateria do iPhone 7 Plus, que oferece 11.1 Wh, como nota iFixit.

A Samsung disse que produzirá um total de 400 mil unidades do Galaxy Note Fan Editions. A redução de 9% no tamanho do componente é o suficiente para tornar o dispositivo seguro novamente, pelo menos baseado nos testes realizados.

[iFixit]

Imagem do topo: iFixit