E na calada da noite, o Google Play acaba de adicionar livros e filmes à sua lojinha brasileira. Vá lá dar uma olhada e abastecer seu smartphone/tablet/computador de qualquer marca. A ótima surpresa é o bom catálogo e preços relativamente decentes. E em R$! 

Em uma rápida passada aqui, os preços parecem melhores que na iTunes Store, que abriu também este ano para as vendas digitais: o primeiro livro dA Guerra dos Tronos custa R$ 32,90 no Google e US$ 16,99 (cerca de R$ 36) na iTunes. Cinquenta tons de Cinza custa R$ 24,90 no Play, e US$ 13 (R$ 27,55) para iBooks. Os preços também são ligeiramente melhores que um novo concorrente, a Cultura. Os mesmos 50 tons custam R$ 25,30 na loja brasileira. Eu curto o eBook pela comodidade, mas ainda assim há aquelas aberrações que sabemos no Brasil em relação a bens digitais. A Guerra dos Tronos custa R$ 25 no Extra, por exemplo.

Já nos filmes, os aluguéis estão a preços razoáveis, de R$ 3,90 a R$ 6,90, mas a compra ainda é bem carinha. Prometheus, por exemplo, fica no seu HD (e na nuvem) pra sempre por R$ 34,90. O layout da loja é espartano e a descrição dos filmes é bem pobrinha (não dá pra saber se é em HD, apenas confiamos com fé), mas ainda assim é, de novo, bem melhor que a concorrência:  o mesmo Prometheus (que eu gostei, viu?) custa US$ 4,99 para alugar no iTunes e US$ 19,99 para compra.

O Bom do Google Play é que, assim como o Kindle, por exemplo, você pode ver em vários dispositivos e, uma vez comprado, pode ser baixado em diversos lugares com a sua conta. Nota: o leitor do Google Books para iPad é, aliás, mais rápido que o iBooks, por exemplo. O iBooks no Android é bem ruim, basicamente por não existir. Ainda estamos estudando o catálogo (e aguardando o Google comunicar oficialmente o seu tamanho) e caçando boas promoções. Mas, de novo, a notícia é ótima para usuários de todas as plataformas. Vá lá e conte o que você faturou para ler no recesso de fim de ano. [Google Play. Valeu, João!]