Em abril deste ano, a HMD Global anunciou uma grande reformulação nos smartphones da marca Nokia, trazendo dispositivos de entrada e sem a promessa de atualização duradoura para Android. Agora, agora a empresa revelou oficialmente que o primeiro telefone da série X chegará aos Estados Unidos ainda este mês. E ele promete ser um dispositivo duro na queda. Literalmente.

O Nokia XR20 custa US$ 550 (cerca de R$ 2.750 na conversão direta) e será lançado em 24 de agosto. É o modelo mais caro do portfólio atualizado da Nokia. E justamente por isso ele traz especificações mais robustas, incluindo um painel de 6,67 polegadas (2.400 x. 1.080 pixels de resolução), processador Snapdragon 480 5G, memória RAM de 6 GB, 128 GB de armazenamento interno e bateria de 4.630 mAh compatível com carregamento sem fio de 15 Watts.

Completam as especificações as câmeras de 48 MP (principal) e 13 MP (ultra-angular) na parte traseira, sensor fotográfico de 8 MP para selfies, suporte para tecnologias de cancelamento de ruído e áudio espacial OZO da Nokia, porta USB-C, entrada para cartão microSD e conector P2 para fone de ouvido. Além disso, o Nokia XR20 receberá três anos de atualização do Android e quatro anos de updates com patches mensais de segurança.

À prova de vida

Mas, sem dúvida, o que mais chama atenção no Nokia XR20 é uma durabilidade potencialmente melhor do que outros aparelhos intermediários. A tela possui revestimento Corning Gorilla Glass Victus, considerada quatro vezes mais resistente a arranhões do que um display comum. A carcaça, por sua vez, pode suportar quedas de até 1,80 metro sem precisar de uma capa protetora, temperaturas de até 55°C e ficar submerso em água doce em 1,5 metro por até uma hora.

De acordo com a fabricante, o XR20 é o primeiro celular “à prova de vida” da empresa. Em um teaser divulgado no Twitter, a companhia sugere que o dispositivo tenta resgatar a alta durabilidade que era oferecida nos antigos telefones da Nokia. Lembra dos clássicos “tijolões”, que se mantinham intactos mesmo após inúmeras quedas? É quase isso.

O XR20 não é tão chamativo ou inovador como alguns dos telefones mais premium da Nokia nos últimos anos. Contudo, é bom ver que a companhia tenta retornar às suas raízes com um modelo mais simples e bem projetado que é feito para durar.

Assine a newsletter do Gizmodo

Preço e disponibilidade

Nos EUA, as vendas do Nokia XR20 começam daqui cerca de um mês, em 24 de agosto, por US$ 550 (R$ 2.750). Ao que tudo indica, apenas a versão com 6 GB de memória RAM e 128 GB será vendida no país — em outros mercados, o smartphone pode ser adquirido com 4 GB de RAM e 64 GB de espaço interno. O celular estará disponível nas cores Ultra Blue (azul) e Granite Grey (preto).

Até o momento, não há previsão de lançamento no Brasil.