Há um peso mínimo que você espera quando pega um laptop. O Lenovo LaVie Z está tão abaixo desse peso que dá a impressão de ser oco por dentro. Só que ele não sacrifica o desempenho. É loucura.

O LaVie Z vem em duas versões: um laptop tradicional de apenas 780 g, e um modelo touchscreen conversível de 925 g – cuja tela vira em até 360 graus como a linha Yoga.

De longe, ambos parecem ser ultrabooks resistentes e elegantes, porém comuns. Eles são finos (16,9 mm), mas nem tanto quanto o Yoga 3 Pro com seu processador Core M – é que os laptops LaVie requerem ventoinha.

Lenovo LaVie Z (2)

Aí você segura um deles na mão. Caramba.

A versão não-conversível é a verdadeira estrela aqui: ele possui tela de 13 polegadas, e pesa quase metade de um MacBook Air do mesmo tamanho. Na verdade, ele é apenas ligeiramente mais pesado que o primeiro iPad.

A primeira vez que você levanta esse laptop é impressionante: ele é tão leve que chega a ser absurdo. Ele parece ser um modelo de loja, algo feito de plástico para imitar um dispositivo mais pesado. Mas não é! Mesmo sabendo que era um laptop real, ainda foi uma surpresa para mim vê-lo realmente ligar.

Ele possui tela de 13,3″ antirreflexo com resolução 2560×1440 pixels, 4GB de RAM e pode chegar a processador Core i7 de 5ª geração. São 128 GB de armazenamento em um SSD.

Lenovo LaVie Z (4)

A versão conversível é ligeiramente mais pesada, e por isso um pouco menos impressionante da primeira vez. Eu o dobrei em modo tablet, e fiquei surpreso porque ele é quaaase confortável de se segurar na mão. Isso é algo notável para um tablet de 13 polegadas – e este é na verdade um laptop.

Ele possui touchscreen de 13,3″, e você pode escolher entre resolução Full-HD ou 2560×1440 pixels. Ele pode ter até Core i5 Haswell e 4GB/8GB de RAM, e também conta com SSD de 128 GB.

A Lenovo diz que o LaVie Z é leve devido a uma estrutura de magnésio-lítio, que pesa menos do que alumínio, mas ainda mantém toda a sua resistência. O Z não pareceu frágil para mim, mas eu não fiz nenhum teste mais extremo nele.

Lenovo LaVie Z (3)

Esta leveza talvez tenha seus inconvenientes: a maior dúvida aqui é a duração da bateria. A Lenovo diz que, graças a uma tela IGZO de baixa potência, o LaVie Z pode durar de 7 a 8 horas reproduzindo vídeo. Mas este parece ser um cenário otimista, especialmente levando em conta que o Yoga 3 Pro dura cerca de 4,5 horas e tem um processador que consome menos energia. Serão necessários testes mais aprofundados para ver se a bateria não nos decepciona aqui.

E o preço? A versão mais leve custará a partir de US$ 1.299 nos EUA, enquanto o laptop dobrável sairá por US$ 1.499. Ambos serão lançados em maio.

ThinkPad Yoga

Lenovo ThinkPad Yoga em varios tamanhos

A Lenovo também aproveitou para anunciar novos ThinkPad Yoga. Você já deve conhecer este ultrabook resistente: ele tem modo tablet no qual o teclado se retrai, deixando a traseira livre para seus dedos. Agora, ele está disponível em modelos de 14 e 15 polegadas.

A versão de 14″ tem uma opção de chip gráfico da Nvidia, mas a Lenovo ainda não diz qual. O mesmo também vale para a versão de 15″, e ele ainda possui teclado numérico completo e uma câmera RealSense opcional que pode fazer truques 3D. (Especificações completas aqui.)

Ambos podem pode chegar a processador Core i7 de 5ª geração, e custarão a partir de US$ 1.199 nos EUA. O modelo de 15″ será lançada em fevereiro; a versão de 14″ chega em maio.

Yoga 3

Lenovo Yoga 3

A Lenovo apresentou uma versão menor do Yoga 3 Pro, chamada apenas de Yoga 3. Ele conta com tela Full-HD de 11 polegadas, processador Core M sem ventoinha, e opções de até 8 GB de RAM e 256 GB de armazenamento SSD.

Ele não tem a dobradiça distinta do Pro 3, que parece uma pulseira de relógio, mas ainda tem uma articulação dobrável de 360 graus. O laptop estará disponível em março nos EUA, custando US$ 799.

O Yoga 3 também virá em uma versão de 14 polegadas mais poderosa: processador Core i5 ou i7 de 5ª geração, chip gráfico opcional da Nvidia e até 500 GB de disco híbrido (HDD+SSD). Ele será lançado em março por US$ 980. Especificações completas aqui.

Yoga Tablet 2 com Windows

Lenovo YOGA Tablet 2 com Windows e AnyPen

Por último, a Lenovo tem uma versão nova e melhorada do seu minúsculo Yoga Tablet que roda Windows 8 em uma tela Full-HD de 8 polegadas. Com a tecnologia “AnyPen”, é possível escrever na tela usando qualquer coisa com uma ponta de metal ou grafite.

Eu rabisquei no tablet com um lápis, uma chave de fenda, uma tesoura, uma faca, e tudo funcionou como uma caneta. A única exceção foi uma caneta esferográfica; acho que a ponta ficou muito obscurecida pela tinta.

Até agora, esta tecnologia é exclusiva para o tablet pequeno com Windows, mas a Lenovo está otimista que poderá levá-la a tablets Android também.

Por dentro, temos um processador Intel Atom quad-core, 2 GB de RAM e 32 GB de armazenamento expansível via microSD. São 7 mm de espessura e 426 g. (Especificações aqui.)

O novo Yoga Tablet 2 com AnyPen estará disponível em janeiro por US$ 300, apenas US$ 20 a mais do que o modelo padrão. [Lenovo]