A taxa de vacinação contra a Covid-19 do mundo é de apenas 13,4%, um número relativamente baixo e que precisa ser melhorado antes que possamos declarar que, de fato, a pandemia de coronavírus já passou. Apesar disso, alguns países têm se saído muito bem no quesito “proteger suas populações”. E, a seguir, listaremos as que mais vacinaram sua população.

Algumas nações obtiveram grandes porcentagens de pessoas totalmente vacinadas porque têm um número de habitantes relativamente pequeno. Outras têm ótimos sistemas de saúde em comparação com o resto do mundo. Em outros casos, como Estados Unidos, Espanha e Reino Unido, os países ricos foram os mais duramente atingidos pela pandemia e compraram muitas vacinas para garantir que haveria imunizante de sobra.

A lista abaixo mostra quanto da população elegível em cada país está totalmente vacinada, e foi  baseada em dados da Universidade Johns Hopkins, que rastreia a pandemia da Covid-19. Também listamos a população total de cada país para que a comparação fique mais clara.

  • Malta – 72,2%. População 502 mil habitantes;
  • Seychelles – 70,22%. População: 97 mil habitantes;
  • Islândia – 69,79%. População: 357 mil habitantes;
  • Emirados Árabes Unidos – 69,24%. População: 9,7 milhões de habitantes;
  • San Marino – 67,4%. População: 34 mil habitantes;
  • Bahrein – 63,26%. População: 1,6 milhão de habitantes;
  • Chile – 61,91%. População: 18,9 milhões de habitantes;
  • Uruguai – 60,95%. População: 3,4 milhões de habitantes;
  • Catar – 58,57%. População: 2,8 milhões de habitantes;
  • Israel – 58,36%. População: 9 milhões de habitantes;
  • Mongólia – 58,33%. População: 3,2 milhões de habitantes;
  • Hungria – 54,84%. População: 9,7 milhões de habitantes;
  • Reino Unido – 54,74%. População: 56,6 milhões de habitantes;
  • Canadá – 53,53%. População: 37,5 milhões de habitantes;
  • Espanha – 53,23%. População: 46,9 milhões de habitantes;
  • Bélgica – 50,43%. População: 11,4 milhões de habitantes;
  • Irlanda – 50,40%. População: 4,9 milhões de habitantes;
  • Estados Unidos – 49,41%. População: 328 milhões de habitantes;
  • Maldivas – 49,02%. População: 531 mil habitantes;
  • Portugal – 48,98%. População: 10,2 milhões de habitantes;
  • Cingapura – 48,96%. População: 5,7 milhões de habitantes;
  • Alemanha – 48,56%. População: 83 milhões de habitantes;
  • Dinamarca – 48,48%. População: 5,8 milhões de habitantes;
  • Liechtenstein – 47,99%. População: 38 mil habitantes;
  • Mônaco – 47,85%. População: 39 mil habitantes.

E onde estão as piores taxas de vacinação? O final da lista é dominado por países de baixa renda que têm lutado para obter doses, como Uganda, Papua Nova Guiné e Sudão do Sul. Contudo, entre os países ricos, ainda existem muitas nações com poucas desculpas para suas baixas taxas de vacinação.

Assine a newsletter do Gizmodo

Por exemplo, a taxa de vacinação da Austrália é de apenas 12,18%, de acordo com a Universidade Johns Hopkins. No entanto, a Austrália é um país extremamente rico. O que deu errado? O governo federal simplesmente não pediu doses de vacina suficientes, apostando tudo numa única tacada — no caso, a vacina AstraZeneca. E, infelizmente, muitos australianos ficaram com medo por causa de efeitos colaterais extremamente raros.