A TIM oferece a partir de hoje, para clientes pós-pagos de voz ou dados, o serviço TIM Wi-Fi, em parceria com a Vex. Você pode contratar o serviço por um dia ou por mês para acessar a internet sem fio de mais de 38 mil hotspots espalhados em 52 países. Algo bem parecido rola em vários países do mundo. Vale a pena?

Se você viaja bastante para vários países, ou mora perto de alguma loja ou café que possui um hotspot da Vex, é possível. O serviço de dados 3G ilimitado mais barato da TIM sai por R$49,90 mensais em São Paulo (nos primeiros meses, ao menos). O TIM Wi-Fi pode ser contratado por um dia, por uma semana ou por um mês e custa R$ 14,90, R$ 23,90 e R$ 29,90, respectivamente. Há também um plano ilimitado, com renovação automática. 



A vantagem é mais pela comodidade. Quem já precisou usar o Vex em algum lugar, como em todos os aeroportos, foi jogado para a página do provedor de acesso, teve que preencher tudo e pagar uma facada de R$ 25 por 24 horas de acesso. Pela nova parceria, a contratação do serviço, mesmo temporária, é feita pelo Discador TIM, e cobrada na fatura do telefone.

Nos EUA já existe algo parecido — porém melhor, claro. Lembra que o plano TIM Da Vinci, com voz, mensagens e dados ilimitados, custa R$899 mas o equivalente nos EUA sai por 100 dólares? Então! A AT&T, operadora móvel americana, oferece Wi-Fi de graça em seus hotspots — dentre eles, os Starbucks com Wi-Fi — para todo mundo que tem plano de dados com ela. Isso inclui todo usuário do iPhone, já que o aparelho é vendido com exclusividade pela operadora.

Mas tudo bem, você pode virar rato de Wi-Fi usando o JiWire para procurar hotspots gratuitos. Só não vá usar seu smartphone sem um plano de dados. [TIM via TudoCelular; imagem de Daquella manera]