Ciência

Mapa mostra regiões do Brasil que podem afundar com mudanças climáticas

Estima-se que 1 em cada 7 pessoas que vivem em cidades costeiras ao redor do mundo serão afetadas.
Imagem: Climate Central/Reprodução

Em 2050, várias regiões do Brasil devem afundar devido aos efeitos das mudanças climáticas. Pelo menos, é o que apontam as projeções realizadas por cientistas.

whatsapp invite banner

Um relatório da Human Climate Horizons prevê uma elevação do nível mar no Brasil entre 20,9 e 24,27 centímetros até 2050. No entanto, a projeção para 2100 alerta que o país terá de enfrentar uma elevação marinha mais significativa, variando de 40,5 a 65,6 centímetros.

Na prática, os cientistas estimam que 1 em cada 7 pessoas que vivem próximo de costas ao redor do mundo serão afetados. No Brasil, a ONG Climate Central afirma que 1,2 milhão de pessoas serão afetadas pelas regiões que vão afundar no país.

Em Santos (SP), por exemplo, cerca de 5% da população terá que ser movida nos próximos 30 anos por conta do avanço do mar.

Em vermelho, as regiões da cidade de Santos que devem ficar debaixo d´água, caso o mar suba 20 centímetros. Imagem:

Em vermelho, as regiões da cidade de Santos que devem ficar debaixo d´água, caso o mar suba 50 centímetros. Imagem: Climate Central

Mapa interativo

O aumento do nível do mar ocorre devido à expansão térmica. Os oceanos têm se expandido, uma vez que a água quente se dilata. O fenômeno ocorre devido às temperaturas sem precedentes nos mares do mundo. Isso impacta diretamente o clima, os rios e, claro, as cidades costeiras.

Além disso, nas últimas três décadas, o nível do mar tem aumentado devido à emissão de gases de efeito estufa. Isso aquece o planeta, além de provocar o derretimento de geleiras, que também eleva o nível do mar.

Influências sazonais, como o fenômeno El Niño, por exemplo, também podem contribuir para essas variações. Inclusive, pesquisadores da NASA sugerem que o El Niño pode ter influenciado o aumento recente do nível do mar. Estima-se que o mar subiu 0,76 centímetros de 2022 para 2023.

Para exemplificar os riscos das mudanças climáticas, a ONG Climate Central lançou um mapa interativo a fim de mostrar as regiões que podem afundar com mudanças climáticas. Nele, é possível simular, por exemplo, o aumento do nível do mar e ver detalhadamente as regiões de cada cidade litorânea que está sob o risco de ficar debaixo d´água nas próximas décadas. Acesse aqui!

Aliás, no vídeo abaixo, é possível ver um tutorial (em inglês, com opção de legenda traduzida em português) sobre como usar a ferramenta:

 

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas