O Yahoo! tem uma nova CEO: Marissa Mayer. A notícia pegou a todos de surpresa visto que ela é, há bastante tempo, funcionária de alto escalão do Google. Na empresa desde os seus primórdios, Marissa ocupava o cargo de vice-presidente de serviços de localização antes de decidir comandar e tentar reerguer o decadente Yahoo!

Tal qual time brasileiro caindo pelas tabelas, o posto de CEO do Yahoo! é, no momento, uma batata quente — ninguém consegue ficar nele por muito tempo. E, não é de agora, o próprio Yahoo! enfrenta uma fase ruim, sem destaque, sem brilho, com seus poucos serviços que ainda valem a pena meio estagnados. Por tudo isso o anúncio da contratação de Marissa Mayer para o cargo surpreendeu. Ela não dava indícios públicos de estar procurando algo fora do Google, embora fosse uma contratação desejada por todas as grandes empresas do setor. Quase um Neymar de saias do Vale do Silício.

Marissa segue os passos de Tim Armstrong, outro ex-Googler que saiu da empresa para dirigir uma gigante ponto com, a Aol. Espera-se que a sua gestão no Yahoo! seja mais feliz que a do ex-colega, embora o desafio seja tão grande quanto. Apesar das dificuldades, as publicações focadas no Vale, como TechCrunch e PandoDaily, estão otimistas pela atuação de Marissa. Pode ser um sopro de inovação, um recomeço bem-vindo para o Yahoo!, algo mais do que necessário para uma empresa que já ditou moda na web, mas que, hoje, é mais lembrada pelas lambanças que ocorrem em sua administração do que pelos feitos, produtos e qualidade dos serviços oferecidos. Ah sim: antes que alguém questione, Marissa é mestre em ciência da computação por Stanford. [Yahoo! via TechCrunch, PandoDaily]