Dos muitos mistérios que giram em torno de Matrix Resurrections, o mais intrigante é a encarnação de Morpheus.

Com tantos atores da franquia original retornando para reprisar seus papéis, Abdul-Mateen II — estrela de Aquaman e Candyman — assumindo o lugar de Laurence Fishburne sugere que a história não começa após os acontecimentos do Revolutions. Mas, por mais novo que o Morpheus de Abdul-Mateen possa parecer, quando o público o conhecer em dezembro, ele chegará às telas com bastante consciência sobre a história de seu antecessor.

Em uma entrevista para a Entertainment Weekly, o ator conta que, após conhecer o personagem no novo longa, a intenção não é superar Fishburne. Abdul-Mateen II acredita que ele “já fez o que tinha que ser feito” com o papel de Morpheus.

O novo roteiro, disse Abdul-Mateen, respeita a encarnação original de seu personagem e cria um novo arco dentro da história. “Eu interpreto um personagem que conhece a história de Matrix e a história de Morpheus”, disse o ator. “Esse personagem está em uma jornada de autodescoberta. Há muito em nossa história que trata de crescimento, definindo seu próprio caminho. Morpheus não está isento disso.”

Embora ele não tenha entrado em detalhes sobre como o novo Morpheus surgiu, os comentários do ator e algumas das semelhanças visuais entre o novo filme e os originais podem apontar após os eventos de The Matrix Online, o game da franquia desenvolvido pela Monolith Productions e a Sony Entertainment Online.

O MMORPG de 2005 — que se passa após Revolutions, onde Neo derrotou o Agente Smith em uma instância da Matrix — Morpheus continua a se manifestar no mundo real contra as Máquina, que estão relutantes em entregar Neo — apesar de ter concordado com um cessar-fogo com a humanidade.

Depois que Morpheus desencadeou uma série de ataques públicos em grande escala na Matrix, projetados para revelar a natureza para as pessoas que ainda não estão prontas para serem despertadas, ele finalmente é caçado por um programa — conhecido como Assassino, que foi contratado pelo Merovingian.

Matrix Resurrections
Screenshot: Warner Bros.

Como certas partes da história deveriam ser misteriosas, sempre houve uma grande quantidade de incertezas e especulação sobre o que exatamente aconteceu com Morpheus depois que o Assassino o matou. No entanto, a história de Matrix Online apontaram para a morte do Morpheus “original” e, eventualmente, sendo substituído dentro da Matrix por um clone digital construído pelo General. É a personificação do Sentinela, líder que conduziu o ataque a Zion durante a Primeira guerra da máquina (episódio que aparece em Animatrix).

Enquanto o substituto de Morpheus do General pretendia criar dúvida, suspeita e desconfiança entre as Máquinas e a Humanidade, o programa eventualmente foi capaz de pensar por si mesmo. Então, é muito fácil imaginar que o Morpheus que vimos no trailer de Resurrections é um novo formato deste programa.

Assine a newsletter do Gizmodo

Outros personagens, como o Oráculo, demonstraram anteriormente como os seres dentro da Matriz são capazes de assumir novas formas que, embora semelhantes a seus “eus” originais, têm formas físicias diferentes. Esse poderia muito bem ser o caso desse novo Morpheus, que conhece partes da história muito bem, apesar de ser completamente novo para o público. Abdul Mateen também disse à EW: “O que os espectadores vão entender é que existem muitas regras da Matrix. Idade, aparência, as coisas que identificamos como reais, podem ser manipuladas nesse mundo. A Matrix é onde tudo é possível”.

Matrix Resurrections estreia em 22 de dezembro nos cinemas.