Mais uma apresentação do Google I/O aconteceu, e, de novo, temos sentimentos conflitantes sobre o que vimos. Aparentemente, o gigante da busca está mudando seu foco principal dos dispositivos móveis para a inteligência artificial. O que isso quer dizer? Ninguém sabe.

O que nós sabemos é que o Google está lançando algumas atualizações de software. Algumas delas são bem interessantes. Algumas são bem confusas. Algumas delas parecem um lixo. Vamos ver.

Melhor: Google Lens

O Google tem mexido com busca visual e realidade aumentada já há alguns anos. Agora, parece que os caras de Mountain View estão substituindo um antigo aplicativo chamado Google Goggles com uma chamativa função apelidada de Google Lens. O Google Lens é bem similar ao Google Goggles, mas, agora, o Google Assistant entra na bagunça. Isso basicamente resulta em um mecanismo de busca visual mais inteligente.

ckuxaha4koqfwri5erxc

Você pode apontar o seu telefone para um restaurante, por exemplo, e o Google Lens vai dizer o nome do restaurante e dar informações relevantes retiradas do Google Places. Aponte seu telefone para uma flor, e o Google Lens vai dizer que tipo de flor ela é. O que é mais interessante do que a porção de exemplos mostrados durante a apresentação é o que os desenvolvedores um dia vão poder fazer com a inteligência artificial super inteligente do Google. Mas, a princípio, já que ele vai funcionar em todos os produtos Google, em breve poderemos colher os frutos dos truques novos em breve.

Pior: Google Assistant chega ao iOS

Ok, Google. E daí?

Melhor: ligação sem as mãos para Google Home

O Google Home vai ganhar uma função bem maneira: ligações sem as mãos por meio de Wi-Fi nos próximos meses (você reparou que o Google adora o termo “nos próximos meses?”). Isso significa que você pode finalmente conseguir se livrar da linha fixa da sua casa, se você for uma dessas pessoas esquisitas que ainda tem uma linha fixa.

j7oxpeddm9vhlhgeeick

Posto isso, a função parece ainda estar meio feita, já que não sabemos se ela vai ser capaz de transformar as ligações não tão privadas do alto-falante em ligações mais privadas no smartphone. Acho que vamos descobrir “nos próximos meses”.

Pior: Android O

Segurem suas perucas, pessoal, porque o Android O vai ganhar uma nova função. Ah, não, parece bem sem graça.

r8yyf4dwm1fsg0lxnzrp

Estamos falando de funções como um copiar e colar melhorado e o modo picture-in-picture, uma função que tem sido estranha e confusa nas telas desde 1998. A única coisa que parece realmente interessante e útil é a melhora na segurança de aplicativos Android. Deus sabe que nós precisamos disso.

Melhor: suporte ao Kotlin

Eu realmente não sei o que é o Kotlin, além do fato de que é uma linguagem de programação, mas os desenvolvedores na plateia do Google I/O pareciam LOUCOS que ele terá suporte no Android em breve. A reação dos desenvolvedores já valeu pelo anúncio.

Pior: Smart Reply para Gmail no Android e iOS

Essa é apenas entediante. Se você é uma das nove pessoas no mundo que usam Smart Reply, você vai gostar. Se você gosta de responder emails com o seu cérebro como um humano normal, prossiga a leitura.

Melhor: Android Go

Mesmo que os anúncios do Android O tenham sido chatos, o anúncio do Android Go foi animal. Ok, tecnicamente o Android Go era parte do anúncio do Android O, mas veja.

rgfdbkgsblqhglwee1sd

O Google descreveu o Android Go como uma versão simplificada do Android para telefones com menos de 1 GB de memória. Isso pode não parecer grande coisa para quem tem um Galaxy S8, mas pode significar muito para qualquer um dos usuários de Tracphone e usuários em países em desenvolvimento.

Esse Android novo e mais leve vai eventualmente funcionar em todas as versões do Android e inclui coisas úteis como monitoramento simples de dados e prévias livres (que não usam seus dados) de vídeos do YouTube. Você pode até baixar vídeos de YouTube quando está no Wi-Fi e vê-los enquanto estiver andando, para que não gaste seus preciosos dados. De novo, isso pode não mudar a sua vida, mas o Android O vai ser grande para um número imenso de pessoas ao redor do mundo.

Pior: Realidade virtual independente

Isso soa incrível! Mas tudo o que o Google falou sobre o novo hardware independente de realidade virtual que está desenvolvendo com HTC e Lenovo é o fato de que está desenvolvendo um novo hardware independente de realidade virtual com HTC e Lenovo.

A HTC fez uma demonstração do novo headset depois do anúncio da Google. Porém, ela também não foi capaz de dar detalhes adicionais. Então isso pode ser maneiro. Mas nós sinceramente não fazemos ideia do que seja, e não saber é péssimo.

Melhor: Sistema de Posicionamento Visual (VPS na sigla em inglês)

Você se perde em lojas, no metrô ou até mesmo na sua casa? Então você vai amar o novo VPS (Sistema de Posicionamento Visual). Como o Google o descreve, a função trabalha com a tecnologia do Project Tango e uma câmera para mapear interiores. Essencialmente, o VPS coloca marcadores visuais enquanto você anda por aí com sua câmera de smartphone. Esses marcadores então se fundem com marcadores de outros usuários para criar um mapa interno.

Não está claro quando exatamente o VPS vai ser lançado. O Google diz que ele vai ser uma das funções essenciais do Google Lens. Quando? Nos próximos meses, com certeza.