A Microsoft vai apagar o último vestígio de sua antiga iniciativa musical no dia 15 de novembro.

Em 2011, a Microsoft parou de vender o Zune HD, mas a marca continuava viva na forma do Zune Music Pass: é um serviço de streaming de música que oferece 10 downloads gratuitos por mês. Não é possível fazer cadastros novos no Music Pass há anos, mas os antigos assinantes ainda continuavam com acesso.

Em 15 de novembro de 2015, no entanto, essas assinaturas serão convertidas para o Microsoft Groove Music (o antigo Xbox Music).

O que isso significa? Os detalhes da transição estão em um FAQ, mas os efeitos negativos são esses:

– não haverá mais o download gratuito de 10 músicas por mês para quem assinava o serviço;

– se você baixou músicas com DRM no Zune, é provável que elas não funcionem mais caso a Microsoft não consiga preservar a licença durante a transição.

A Microsoft afirma que o Groove Music é muito melhor do que o Zune Music Pass: trata-se de um serviço de música e armazenamento na nuvem bem competente, bastante parecido com o Google Play Música.

Perder o Zune Music Pass, portanto, não é exatamente o fim do mundo. Mas é o fim do Zune. [Microsoft]