Com 15,4 polegadas e resolução 2880 x 1800, o MacBook Pro de próxima geração é o laptop com a tela de maior resolução que existe. E ele é bem fino também.

A Retina Display do novo MacBook Pro tem 220ppi em densidade de pixels, cores pretas mais vivas, maior ângulo de visão e 75% menos reflexo, segundo Phil Shiller. O novo laptop pesa 2,02kg e é quase tão fino quanto o MacBook Air, com cerca de 1,80cm de espessura.

Para ficar tão fino, a Apple fez algumas mudanças no design do laptop. As principais: a tela não tem mais uma camada separada de vidro; as pás da ventoinha são posicionadas de forma assimétrica, o que a deixaria mais silenciosa; e as peças usadas no laptop são específicas para o modelo, já que o corpo dele é quase todo bateria.

O novo MacBook Pro tem processador Ivy Bridge quad-core nos modelos Core i5 ou i7, até 16GB de RAM, até 768GB de armazenamento em memória flash, e chip gráfico GeForce GT 650M. O teclado é retroiluminado e temos, claro, o conhecido trackpad multitoque. A bateria promete durar até 7h de uso contínuo ou 30 dias em standby.

Ele tem duas entradas Thunderbolt, duas entradas para USB 3.0/2.0, uma saída HDMI, leitor de cartões SD e o novo MagSafe 2 (mais fino). Para quem precisar de portas Ethernet ou FireWire, a Apple oferece adaptadores Thunderbolt. Além disso, o novo MacBook Air vem com câmera FaceTime HD, microfone duplo e alto-falante estéreo.

O sistema operacional foi atualizado para a nova resolução, assim como os programas da Apple que o acompanham. Eles estão trabalhando com grandes empresas para adaptar programas como Photoshop e AutoCAD. A Apple também mostrou o laptop rodando Diablo III.

O modelo básico sai por US$2.199, à venda a partir de hoje. No Brasil, ele custa a partir de absurdos R$9.999: [Apple Brasil]

 

Fotos por Ars Technica, Engadget e The Verge

O Gizmodo Brasil pode ganhar comissão sobre as vendas. Os preços são obtidos automaticamente por meio de uma API e podem estar defasados em relação à Amazon.