Ano passado, o Samsung Galaxy Tab foi lançado na Europa pelo equivalente a salgados R$2.100. Dois meses depois, ele chegou ao Brasil custando R$2.280. Os preços são bem semelhantes! Então, se pudermos usar os preços dos novos tablets com Android praticados na Europa, poderíamos ter uma ideia de quanto o Motorola Xoom, LG Optimus Pad e outros tablets com Android custarão por aqui.

Os preços são da rede Phone House, na Espanha, mas que tem lojas por toda a Europa. Os preços a seguir obviamente não valem para o Brasil, mas podem servir de indicação.

O Xoom com Wi-Fi e 3G custará €699, o equivalente hoje a R$1.650. No Brasil, esse é quase o preço do iPad 1 32GB apenas com Wi-Fi (R$1.699). Nós esperamos que o Xoom tenha preço semelhante ao iPad com Wi-Fi e 3G de 32GB, que depois do lançamento do iPad 2 caiu para R$2.100.

O LG Optimus Pad terá preço de €849, ou cerca de R$2.000. Com tela 3D e câmera 3D, ele tem alguns motivos (ainda que dispensáveis) para ser mais caro; de resto, ele é basicamente igual ao Motorola Xoom. O Asus Eee Pad – provavelmente o modelo Transformer – com Honeycomb, Tegra 2 dual-core, tela de 10,1″ e teclado que se encaixa nele custará €399 (R$940). Enquanto isso, o Acer Iconia A100 – tablet com 7 polegadas, Tegra 2 dual-core e Honeycomb – vai custar €349 (R$820).

É impressão minha, ou esses preços estão baixos? Pelo menos, estão mais baixos que os dos iPads correspondentes. A conversão de euros para reais não parece ser um problema: o euro está com valor próximo da média dos últimos meses. E as fabricantes não estão cobrando barato na Europa: o iPad 1 mais caro na Espanha custa €699, mesmo preço do Xoom e mais barato que o Optimus Pad. Será que nós, brasileiros, nos acostumamos a pagar caro demais?

A Motorola e a Asus já disseram que querem trazer seus tablets ao Brasil; quanto à Acer e LG, ainda não sabemos. Se os preços acima servirem de guia, podemos esperar uma boa surpresa nos preços dos tablets aqui no Brasil. Eles precisam mesmo, se quiserem competir com o iPad 2. [Phone House via androidGeek.it via Engadget]