O streaming de jogos da Nvidia, GeForce Now, finalmente foi lançado no exterior. O GeForce Now permite jogar games de PC com o mínimo de problemas em qualquer PC ou qualquer dispositivo macOS ou Android. Quer jogar Overwatch no seu celular Samsung ou Red Dead Redemption 2 no seu MacBook Air? A ideia é que você só faça o login e mande ver.

Enquanto o Google Stadia conta com uma seleção de jogos e o Microsoft Project xCloud se baseia amplamente em títulos exclusivos do Xbox One, o maior apelo da Nvidia GeForce Now é a capacidade de jogar praticamente qualquer jogo de PC que você desejar.

O GeForce Now não tem uma loja própria. Ele se conecta às suas contas em lojas de jogos — ele é compatível com quase todas as principais lojas de jogos para PC, incluindo Steam, Epic, GoG e Blizzard. Portanto, se o serviço morrer, você ainda será o proprietário dos seus jogos, embora possa perder saves se não tiver o backup na nuvem ativado em cada um dos serviços. Comparado ao Stadia e ao Project xCloud, que possuem uma seleção menor de jogos e exigem controles específicos, o GeForce Now parece robusto.

Historicamente, no entanto, o GeForce Now tem sido um pouco inconsistente. Primeiro, havia um serviço semelhante, também chamado GeForce Now, que permitia jogar uma seleção de jogos oferecidos pela Nvidia ou transmitidos diretamente do seu PC. Esse serviço foi lançado como Nvidia Grid em 2013.

Em 2015, recebeu o nome de GeForce Now, e a versão beta ficou disponível na caixinha Android da Nvidia para TVs, o Nvidia Shield. Eu costumava usá-lo para jogar Witcher 3, mas o serviço falhava ou o jogo falhava ou ambos travavam e eu inevitavelmente voltava ao meu PC para uma experiência mais estável (e mais bonita).

Em 2017, um novo serviço foi lançado em versão beta com o mesmo nome. Mas, em vez de jogar uma pequena seleção de jogos oferecidos pela Nvidia, você pode jogar qualquer jogo já comprado em outras lojas de jogos para PC. Como no GeForce Now original, tinha problemas de conectividade.

Mas a plataforma melhorou ao longo dos anos. Além de estar no Shield, o serviço foi lançado no Android, PC e macOS. Agora eu posso jogar uma sessão de quatro horas de Civilization VI com poucos engasgos. Como o GeForce Now suporta quase todas as principais lojas de jogos para PC, eu também posso jogar outras coisas. Se for um game para PC, você provavelmente poderá jogá-lo via GeForce Now. Tudo o que você precisa é fazer login e pronto.

Há dois tipos de conta GeForce Now. Ambas transmitem no máximo 1080p e a 60 quadros por segundo.

Se você não quiser pagar nada, pode obter uma conta gratuita, que permite jogar por uma hora de cada vez; você pode ter que esperar em uma fila nos dias de maior movimento.

Já a conta Founder custa US$ 5 por mês e você terá até seis horas de jogo por vez, ray tracing nos jogos transmitidos e “acesso prioritário”. Isso significa que é menos provável que você fique na fila.

O problema com o GeForce Now (e a razão pela qual meu review será publicado no final desta semana e não agora) é que ele parece muito mais suscetível a problemas de internet do que seus rivais do Google e da Microsoft.

A Nvidia recomenda 50 Mbps para a melhor experiência, 30 Mbps para 1080p60 e 15 Mbps para 720p60. No entanto, na prática, não estou tendo os resultados esperados com essas velocidades.

Embora meus jogos normalmente sejam bons em um Nvidia Shield, quando eu mudo para o MacBook Pro, recebo muitas notificações de “internet irregular”. Essas notificações geralmente também apresentam uma queda significativa na qualidade do streaming e são exibidas independentemente da conexão com a Internet que estou usando. Recebi as notificações no escritório, em casa e mesmo quando tento me conectar usando o 4G do meu smartphone.

Mais testes parecem necessários, principalmente agora que o serviço foi lançado. O GeForce Now ainda não está disponível no Brasil.