Manter o computador ligado sempre ou desliga-lo ocasionalmente? Esta certamente é uma das questões mais debatidas da história da informática, afinal será que o PC precisa de uma noite de sono ou pode ficar ligado direto?

Seguramente muita gente já ouviu que o ideal é desligar o computador ou notebook quando terminasse de usar por N motivos, mas depois de um tempo essa rotina vai ficando esquecida e muita gente prefere apenas fechar o notebook para facilitar o trabalho no dia seguinte.

Não existe uma resposta simples e universal para essa pergunta, mas há coisas importantes para saber que podem te ajudar a decidir.

Primeiro, você sabe a diferença de suspender e desligar o computador? Vamos lá.

Desligar

  • Quando desligamos o computador, todos os processos do sistema são encerrados, fechando programas, aplicativos e serviços que estavam rodando em segundo e primeiro plano na memória do computador. Então, desligar faz seu computador iniciar de forma “limpa” apenas com processos essenciais do sistema.

Suspender

  • Agora, quando suspendemos o PC ou notebook, a tela apaga, mas seus trabalhos continuam salvos na memória, então ele permanece ligado em baixo consumo de energia. Desse jeito, quando você voltar a usa-lo ele continuará de onde você parou antes de suspender. Nada é fechado nesse processo, então ele é ótimo para facilitar as tarefas.

Muitos usuários pensam que é necessário desligar o notebook ou PC quando o dia termina, como se o computador precisasse de uma boa noite de descanso, assim como nós. No entanto, essa prática nem sempre é necessária.

Caso a sua rede de internet seja segura, não há problema em deixar o equipamento em modo de suspensão. Mas, é valido lembrar que mesmo com a tela desligada, ele continua funcionando em segundo plano e mesmo que pouco, ainda consome energia e se você precisa economizar, é bom ficar atento.

Por outro lado, desligar o PC pode ser uma boa não só para economizar, mas também para ele ligar novamente zerado, ou seja: ao ser deligado e ligado, ele volta com a memória RAM limpa.

Entretanto, alguns especialistas alertam que desligar e ligar com muita frequência consome uma quantidade razoável de energia e esse aumento pode sobrecarregar o sistema, diminuindo potencialmente a vida útil do computador.

Ou seja: tudo depende do quanto você utiliza sua maquina. Se você usa com mais frequência, não tem problema deixar ele em “modo cochilo” e pelo menos uma vez na semana desliga-lo para dar aquele descanso merecido e ele ficar um pouco menos pesado.

Mas caso não use todos os dias, o ideal é desligar sempre que finalizar o que está fazendo.

Assine a newsletter do Gizmodo

Importante: Ainda existe a opção de reiniciar, indicada para quando o PC está travando devido alguma atualização ou falha no sistema, então fique atento e se necessário apenas reinicie.

Atenção: O processo de reinicialização é bem parecido com o de desligar, só muda que você não precisa apertar nenhum botão, então fique atento e salve trabalhos e coisas importantes para que elas não sejam perdidas no processo.

Leia também: A incrível história do computador em 10 tópicos.