Na Argentina, a semana não foi marcada apenas pelo calor intenso. Moradores de diversos municípios da província de La Pampa registraram também uma invasão sem precedentes de besouros. Confira imagens que estão circulando nas redes sociais.

De acordo com jornais locais, os besouros estão causando danos em propriedades públicas e privadas. Para ter noção, uma família teve que chamar a polícia para remover insetos que estavam no telhado de sua casa. Somente neste episódio, foram retiradas cinco caixas cheias de besouros. 

Estes insetos permanecem sob a terra durante toda sua fase larval. Quando chega o verão, saem à superfície para se reproduzir e, depois, morrem. As temperaturas altas combinadas ao excesso de umidade relativa do ar parecem ter interferido neste ciclo. Como resultado, milhares de besouros foram parar nos tetos e calhas de casas.

Os insetos acabam invadindo a área urbana pois são atraídos pela luz, um fenômeno conhecido como fototaxia. Diante da informação, municípios como Telén, Victorica, Carro Quemado e agora Santa Isabel decidiram desligar toda sua iluminação pública. Alguns deles estão espalhando barris de fogo em diferentes pontos para redirecionar os besouros.

Estes insetos são totalmente inofensivos, mas o voo descontrolado – realizado apenas por fêmeas – faz com que eles colidam violentamente com qualquer coisa que estiver no caminho. Como os besouros são realmente duros e pesados, é preciso ter cuidado e cobrir o rosto para evitar ferimentos. Em boca fechada não entra mosca — besouro, muito menos.