Ontem, vimos as melhores CPUs para qualquer que seja a quantidade de verdinhas (ou parcelas do MercadoPago)  que você quer gastar. Agora, na segunda parte do guia de CPUs para games, é hora de vermos aquelas que provavelmente custam mais do que a quantidade de verdinhas que a maioria de nós tem. Não deixe de dar uma olhada também na tabela comparativa de hierarquia de CPUs, no final do post.

Passando do ponto do bom senso

Acima de US$ 200, os preços sobem muito mais rápido do que as vantagens, por isso tivemos muita dificuldade em recomendar qualquer coisa mais cara que a Core i5-750. Especialmente porque ela pode aguentar um overclocking severo se precisar de mais performance, ultrapassando a taxa de clock padrão da Core i7-975 Extreme, que custa mil dólares.

Talvez a única justificativa, do ponto de vista da performance, para pegar algo melhor que a Core i5-750 seja o fato dos processadores LGA 1156 terem um limite inerente de 16 faixas PCIe para utilização gráfica. Este é um detalhe de arquitetura que as CPUs Core i5 e i7 compartilham, então, se um gamer planeja usar mais do que duas placas de vídeo em CrossFire ou SLI, a Core i7-900, baseada em LGA 1366, é a recomendação.

Para resumir, apesar de nós não recomendarmos a compra de nenhuma CPU mais cara do que US$ 200 sob o ponto de vista do custo-benefício, há alguns entre vocês para quem o dinheiro pode não ser um obstáculo, e que exigem a melhor performance que este dinheiro pode comprar. Se você está gastando várias centenas de dólares em poderio gráfico e está preocupado com gargalos de processador, nós recomendamos as seguintes:

Melhor CPU por $295: Core i7-930 (~R$ 800 no MercadoLivre)

A linha Core i7 da Intel já provou ser a mais poderosa opção de CPU para games disponível, de acordo com os nossos dados. A Core i7-930 é uma ótima escolha para sistemas com múltiplas placas gráficas em configuração CrossFire ou SLI.

A placa-mãe e RAM DDR3 exigidas pela arquitetura i7 farão o preço total da plataforma ser maior que o de outros sistemas, mas a performance resultante também será maior.

Apesar da Core i5 ter performance semelhante, há algumas aplicações e jogos que aproveitam os recursos de Hyper-Threading e memória de triplo-canal da Core i7-930, por isso o dinheiro extra que você vai pagar por ela pode compensar, especialmente se você planeja um overclocking.

Adicionalmente, os processadores das Core i5 e i7, baseados em LGA 1156, são limitados a 16 faixas PCIe 2.0, enquanto a série 900 da Core i7 não compartilha dessa limitação, por ser baseada em LGA 1366 e herdar a sua conectividade PCI Express do chipset X58. Isso faz dela a escolha ideal para configurações com mais de duas placas de vídeo em CrossFire ou SLI.

Melhor CPU por $1090: Core i7-980X Extreme (~R$ 3.200 no MercadoLivre)

Este monstro de seis núcleos roubou o posto de CPU mais rápida do mundo da Core i7-975 Extreme. Apesar do fato de que a maioria dos jogos não utiliza mais do que três núcleos, esta é a CPU mais rápida para games disponível no mercado atualmente, segundo os nossos testes. Mas será que ela vale $1090? Se você tem dinheiro pulando para fora dos bolsos, tem medo de forçar o overclocking da i7-930, quer a facilidade de overclocking fornecida pelo multiplicador desbloqueado da Extreme Edition e está disposto a pagar bem mais para ter o direito de se gabar por ter uma CPU com seis núcleos, talvez valha.

Em qualquer outro caso, a Core i7-980X Extreme é impossível de recomendar pelo seu preço; seria bem mais inteligente usar todo esse dinheiro extra para investir mais na placa gráfica ou em armazenamento SSD.

 

Tabela de Hierarquia das CPUs
E essa outra CPU que não está na lista? Como eu sei se ela é um bom negócio ou não?

Isso vai acontecer. Na verdade podemos garantir que isso vai acontecer porque a disponibilidade e os preços variam muito rápido. Então como você pode saber se aquela CPU que você está namorando é um bom negócio na sua faixa de preço?

Temos aqui uma ferramenta para ajudá-lo a julgar se uma CPU é uma boa compra ou não: a tabela de hierarquia de CPUs, que agrupa as CPUs com performance similar em games em níveis. O nível mais alto contém as CPUs de mais alta performance do mercado, e esta performance vai decaindo a cada nível abaixo dele.

No entanto, um conselho: esta hierarquia é baseada na performance média que cada CPU atingiu em nossos testes profissionais usando quatro jogos: Crysis, Unreal Tournament 3, World in Conflict e Supreme Commander. Na nossa opinião, estes títulos representam uma boa amostra das situações típicas que os games apresentam, mas qualquer outro jogo em específico pode se comportar diferentemente. Alguns jogos, por exemplo, serão muito dependentes do subsistema gráfico, enquanto outros podem reagir positivamente a núcleos extras de processador, maiores quantidades de cache de CPU, ou mesmo a uma arquitetura específica. Nós também não tivemos acesso a todas as CPUs do mercado, então algumas das estimativas de performance de CPU são baseadas nos números alcançados por arquiteturas similares. Esta tabela de hierarquia é apenas uma ferramenta de consulta e comparação, não um tratado irrevogável contendo a verdade absoluta para toda e qualquer situação. [NT.: Que seria sempre 42.]

Você pode usar esta tabela para comparar preços entre dois processadores e ver qual dos dois é um melhor negócio, e também para determinar se vale a pena fazer um upgrade. Eu não recomendaria fazer upgrade para um processador a menos que ele esteja pelo menos três níveis acima do seu atual. Um upgrade assim seria relativamente paralelo, e não traria uma grande melhora em termos comparativos.

Aí está, pessoal: as melhores CPUs para o seu bolso neste mês. Agora você só precisa encontrá-las e comprá-las.

Boa sorte!

(Não deixe de ver os outros processadores recomendados com uma melhor relação de custo/benefício, com seus devidos preços, aqui)

[Tom’s Hardware]