Os novos MacBooks Pro chegaram, com processadores super-rápidos e placas de vídeo potentes. Mas uma especificação acabou retrocedendo: a duração da bateria foi de 10h nos modelos anteriores para 7h nos modelos novos. O que aconteceu?

Na verdade não há motivo para se preocupar. Desde os novos modelos do MacBook Air, a Apple adotou um novo método para testar a bateria que reflete mais precisamente a utilização na vida real. “Teste de protocolo de web sem fio”, como eles chamam, envolve colocar o brilho da tela em 50%, e navegar nos 25 sites mais populares da web. Aí eles repetem o que eles acreditam ser a função principal do site, às vezes envolvendo reprodução de vídeo em Flash, por exemplo. Não que a culpa seja (apenas) do Flash, claro.

A duração da bateria do seu laptop ainda depende de como você usa seu computador, claro, mas com certeza eu prefiro 7 horas de duração de bateria em condições reais do que 10 horas de bateria com brilho a 0% e apenas digitação de texto. [TechCrunch]