O Project Loon, do Google, é um plano ambicioso de levar internet para quem não tem. No entanto, após uma série de contratempos, o serviço finalmente vai ser testado por operadoras ainda neste ano.

Recapitulando: o Loon usa balões equipados com antenas de rádio para receberem o sinal de internet (vindos de operadoras móveis) e transmiti-lo para outros balões e para o solo. Para o usuário receber o sinal de internet, é necessário ter uma antena especial.

>>> Projeto Loon, do Google, pode estar disponível para o público em 2015
>>> Os primeiros passos do Projeto Loon no Brasil, que leva internet via balões do Google

Segundo o Re/code, o projeto, antes em uma fase conturbada, agora está mais forte que nunca. Com mudanças no design, os balões podem agora ser feitos a custos menores e ainda serem precisos na navegação — de fato, parece que um dos balões usados para teste já viajou ao redor do mundo 19 vezes em 187 dias durante o ano passado.

Operadoras se envolveram no projeto por um tempo, embora o sistema nunca tenha sido testado de forma apropriada com consumidores. Agora, que o serviço consegue prover conexão de 15 Mbps, o Google está fazendo parcerias com operadoras na Indonésia e no Sri Lanka para colocar à prova seu plano de fornecer conexão pelo céu ainda neste ano.

No Brasil, o Google testou o Loon em 2014 no Piauí. Na ocasião, a empresa testou pela primeira vez a transmissão de sinal 4G usando os balões. Após isso, não se falou mais no projeto por aqui.

[Re/code]