Na próxima fez que você ver animais farejando uns aos outros, pode estar acontecendo mais do que você imagina. Novas pesquisas sugerem que uma simples cheirada faz ratos se comunicarem.

Em uma série de experimentos, feitos pela Case Western Reserve University School of Medicine, pesquisadores usaram gravações de radiotelemetria da respiração nasal para identificar como ratos reagem quando outros farejam em sua direção.

Os resultados, publicados na Current Biology, sugerem que quando ratos de um status maior farejam em direção a outros, os subordinados diminuem a taxa de respiração. Os pesquisadores dizem que é uma forma dos ratos dizerem “não se importe comigo”. Daniel Wedsson, o líder da pesquisa, explica:

Nós sabemos que ratos e outros animais podem se comunicar via vocalizações, contato físico, odores e também demonstrações visuais. Descobrir que existia um jeito não conhecido de comunicação entre esses animais esse tempo todo foi uma ótima experiência.

De fato, quando ratos menores falham ao diminuir a respiração, ratos dominantes atacam! Tudo isso sugere que tem muito mais na simples farejada que animais dão do que achávamos antes – e isso pode nos ajudar a entender o complexo sistema de comunicação usados por animais mais claramente. O Doutor Doolittle deve estar orgulhoso. [Current Biology]

Foto via Energy2024 sob licença Creative Commons