Depois de quatro anos, dois processos na Justiça e uma liminar que chamou a atenção da internet, a Renault entrou em acordo com Daniely Argenton, criadora do site Meu Carro Falha. A Renault divulgou comunicado, onde “reconhece que houve falhas em seus procedimentos”, e Daniely conta no site qual foi o acordo feito:

Prezados seguidores, informo que negociamos, compomos e concretizamos um acordo no qual a Renault comprometeu-se em ressarcir os valores pagos pelo veículo bem como meus danos, tendo sido extintas todas as ações judiciais, de parte a parte, tanto no que toca ao meu pedido de indenização a Renault, quanto à ação que esta moveu contra mim por danos morais.

Em agradecimento ao apoio de vocês de todo o Brasil, que resultou em mais de 700.000 mil acessos ao site www.meucarrofalha.com.br, incluí no acordo um automóvel Clio 0km, para doação a uma entidade assistencial de alcance nacional. O referido veículo será doado nos próximos dias a AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente.

Ou seja, acabaram-se os processos judiciais e a liminar. Daniely fez acordo com a Renault e recebeu dinheiro para compensar pelo Mégane que falha desde 2007, além de um Clio 0km para doar pra caridade. Boa solução! Teria sido melhor se a Renault não tivesse demorado tanto para resolver um problema do cliente, que acabou ganhando proporções enormes na internet.

A Renault havia exigido a retirada do site, além das contas no Twitter, Facebook e YouTube. O que vai acontecer com eles? Daniely explica no Twitter que “o site será transformado em um local para consumidores e fornecedores buscarem a solução conciliadora para problemas como o meu”. E as contas do Meu Carro Falha nas redes sociais permanecerão no ar. [@meucarrofalha e Quatro Rodas]