Esse petroleiro saudita estava sob o poder de piratas somalis desde novembro do ano passado. Mas ele foi aparentemente desocupado depois que esse pacotão de 3 milhões de dólares foi despejado por paraquedas no convés do navio. Dá pra ver? [NYT]