Parece que o Instagram realmente quer que criadores de conteúdo produzam vídeos curtos no estilo TikTok — apelidados “Reels” pela rede social. O Instagram anunciou seu programa de bônus para Reels em julho, quando o CEO da Meta, Mark Zuckerberg, disse que a empresa pagaria US$1 bilhão aos criadores até 2022.

Segundo o site TechCrunch, um criador do Reels que tem quase 300 mil seguidores recebeu uma oferta de US$35 mil caso um dos seus vídeos no Reels conseguisse alcançar 58,31 milhões de visualizações em um mês.

Outros criadores com menos seguidores também tiveram propostas, porém, com valores bem menores — como também revelou esta reportagem do site Business Insider. Teoricamente, essas propostas vão de acordo com a quantidade de seguidores que o criador possui.

Assine a newsletter do Gizmodo

Exemplo disso é que uma conta com 52 mil seguidores, ainda segundo o site, recebeu uma proposta de U$ 1000 para atingir determinada quantidade de views. Em ambos os casos, os valores oferecidos pelo Instagram parecem aumentar com o tempo.

Não parece haver uma regra específica sobre como os valores de pagamento correspondem à contagem de seguidores. O Instagram diz ao TechCrunch que o programa está em seus estágios iniciais e que ainda está testando o formato. “Continuamos testando os pagamentos à medida que distribuímos para mais criadores, e esperamos que eles flutuem enquanto ainda estamos começando”, disse a empresa.