Com um orçamento de apenas US$ 600 — uma mixaria perto do custo de desenvolvimento de robôs como o ATLAS —, estudantes da Faculdade de Engenharia da Universidade da Califórnia em Davis criaram uma máquina capaz de amarrar os cadarços de um sapato sozinha.

O robô programado para afastar moradores de rua tomou uma sova e foi demitido
A Disney fez um robô dublê super realista, o que é uma ótima notícia para os humanos

Depois de dominar a habilidade aos cinco anos de idade, você provavelmente não pensou muito mais sobre o intrincado balé de dedos e laços que é executado cada vez que você amarra os sapatos. Mas, na realidade, é um processo complicado. O que torna a máquina desses estudantes de engenharia ainda mais impressionante é que ela é alimentada por apenas dois motores, contando com uma série de engrenagens e hastes móveis para pegar e mover um par de cadarços.

O robô não é exatamente rápido, e é duvidoso que alguém vá querer essa engenhoca do lado da porta só para evitar se agachar para amarrar os sapatos. Mas imagine o que esses estudantes seriam capazes de criar com um orçamento muito maior — a Nike poderia não ter mais o monopólio dos tênis que se amarram sozinhos.

[YouTube via IEEE Spectrum, Reddit]

Imagem do topo: Reprodução