Assim como ontem, a Samsung continua sua defesa tentando desqualificar as patentes da Apple. Desta vez, foi a vez do design: a Samsung diz que o visual do iPhone e iPad não é original, por isso não deveria ser protegido por patente.

Segundo o The Verge, a Samsung começou pelo iPhone. Eles mostraram três patentes anteriores ao iPhone, com designs semelhantes ao do celular da Apple. E aparentemente eles ouviram os comentaristas de blog, porque também mostraram o LG Prada (foto acima). Todos os designs exibidos pela defesa tinham formas retangulares e telas centradas.

Quanto ao iPad, a Samsung mostrou dois aparelhos: o tablet Compaq TC1000 (de 2002) e um conceito de tablet, não-funcional, criado por Roger Fidler (de 1994). A defesa disse que, combinando elementos dos dois aparelhos, chega-se ao design do iPad. (Separadamente, diz o advogado, eles não invalidam a patente.)

 

A Samsung também argumentou que vários elementos da patente são necessários: cantos arredondados, por exemplo, aumentam o conforto na mão e tornam o aparelho mais fácil de sacar do bolso. A Apple se defendeu mostrando o Nokia Lumia 800 e o Casio GzOne, com design bastante diferente do iPhone. Eles não possuem cantos arredondados da mesma forma que na patente.

A Samsung também chamou ao tribunal uma designer sênior responsável pelo Galaxy S. Ela diz que não copiou os ícones do iPhone, protegidos como marca registrada. [The Verge e AllThingsD]

Fotos por Engadget e Tbreak