A Sega decidiu comemorar os 30 anos do Mega Drive com o lançamento de uma versão mini do console, pegando o bonde da nostalgia como fez a Nintendo e mais recentemente a Sony, que anunciou um PS1 retrô nesta semana. A comemoração, no entanto, só vai rolar nos 31 anos do videogame.

• Sony vai lançar versão clássica do PlayStation 1 com 20 jogos em dezembro
• 30 anos do Mega Drive: Sega vai lançar versão mini do console em comemoração

A companhia anunciou, nesta semana, pela sua conta oficial no Twitter, que o lançamento da versão mini do console foi adiada e só deve acontecer em algum momento de 2019. Aparentemente, o imbróglio está relacionado com a empresa responsável pelo desenvolvimento do console.

A Sega anunciou que está trabalhando agora com uma desenvolvedora japonesa para revisar o design e o software do console. A empresa, porém, não deixou claro se a AtGames, empresa americana que estava por trás do projeto inicial, continua trabalhando no projeto. Como aponta o Verge, a AtGames chegou a apagar a publicação em seu Facebook que anunciava que o Mega Drive Mini utilizaria o seu hardware.

Essa empresa anteriormente já tinha feito o Sega Genesis Flashback — uma versão do Mega Drive com os controles de seis botões sem fio —, que foi lançado apenas nos Estados Unidos. As análises por lá não foram muito boas. As principais críticas diziam respeito à qualidade do som dos games e à falta de cuidado em detalhes do console.

A Sega aproveitou ainda para confirmar que a versão em miniatura de seu console será lançado como Mega Drive Mini no Japão e na Europa, e como Genesis Mini na América do Norte. No ano passado, a Tectoy licenciou e produziu uma versão do Mega Drive para o Brasil, com 22 jogos na memória e suporte a cartuchos originais.

Ainda na seara de games retrô, uma coleção de jogos clássicos do Sega Mega Drive chegará ao Nintendo Switch em breve e um trailer foi publicado na terça-feira (18).

[The Verge]