Às vezes smartphones esquentam a ponto de incomodar na mão, principalmente quando rodamos jogos pesados ou vídeos em HD. Os aparelhos ficam tão quentes que poderiam até derreter manteiga – literalmente, como este vídeo mostra.

Três smartphones, ao rodarem um teste intensivo de CPU, fazem cubos de manteiga derreterem em cima deles. A manteiga derrete a 35°C, mas um dos aparelhos chegou a 55°C! O teste compara três smartphones: o HTC One S com Qualcomm S4; o Motorola Razr Maxx com processador TI OMAP; e o Samsung Galaxy S II com chip Exynos. (Todos são dual-core.)

Como o vídeo é da Qualcomm, você já sabe quem se dá melhor no teste: a manteiga em cima do processador S4 permanece quase inteira. A empresa quer mostrar como o processo de fabricação de 28nm deixa o chip S4 menos quente, mesmo em atividade intensa. Mas faltaram no teste os chips Tegra 3 e o novo Exynos de quatro núcleos, que prometem menor consumo de energia por serem quad-core.

Smartphones quentes não incomodam apenas a mão: quando o processador fica muito quente, ele pode reduzir o desempenho para não superaquecer. Então espero que os chips continuem a ganhar mais potência, mas sem ficar esquentadinhos. [Qualcomm]