Na manhã desta terça-feira (24), o Spotify anunciou uma mudança grande em seu aplicativo móvel. Em um evento realizado em Nova York, a gigante sueca anunciou que usuários que não pagam por um plano premium ganharão mais recursos, inclusive a capacidade de escolher músicas em playlists.

A atualização do app móvel permitirá que usuários do plano gratuito do Spotify escolham entre mais de 750 músicas por dia de playlists personalizadas, como Daily Mix, Discover Weekly, Release Radar e playlists editoriais da companhia, como a RapCaviar.

Bolsa de Nova York comemora abertura de capital do Spotify hasteando bandeira errada
O Spotify está fazendo uma limpa nos apps que pirateiam o serviço

O update é global e vai ser liberado gradualmente nas próximas semanas, de acordo com a companhia. Se você ama os hits do momento e quer ouvir a música “Psycho”, do Post Malone, em alguma playlist, ela estará disponível para os usuários. Antes, as músicas só eram tocadas de forma aleatória.

O pacote de novidades do Spotify também inclui sugestões de músicas feitas por algoritmos. Também será possível escolher uma opção para economizar o uso de dados — o Spotify diz que, ao usar esse recurso, os usuários economizarão até 70% do consumo de dados para ouvir músicas no app.

O Spotify foi listado na Bolsa de Nova York no início deste mês. Mesmo com 70 milhões de assinantes e um total de 157 milhões de usuários, o serviço precisa continuar a crescer e a criar um modelo de negócio mais sustentável. Por trás desses novos recursos que o Spotify está oferecendo aos usuários, a companhia parece estar trabalhando com o argumento de que um bom serviço gratuito irá facilitar a conversão de usuários gratuitos para pagos.

Antes desse anúncio desta terça-feira, havia uma série de rumores. Alguns especialistas, por exemplo, especulavam que a empresa iria apresentar um dispositivo para carros que seria uma alternativa ao rádio. No caso, o Spotify acabou revelando uma alteração no núcleo da sua plataforma para usuários do plano gratuito.

Embora a empresa não tenha mencionado diretamente, parece que ela está concentrada em mercados internacionais com a atualização desta terça-feira — principalmente mercados que são tipicamente mais resistentes a adotar o modelo de assinatura. Um slide da apresentação do Spotify mostrou que, em um país como o Vietnã, a maioria dos usuários depende de Wi-Fi — daí a apresentação do recurso de economia de dados.

Abaixo, você pode ter uma ideia do update que o Spotify vai liberar para iOS e Android “nas próximas semanas” para todos os usuários que não pagam pela plataforma.